Últimas notícias

Colunistas

RSS
CALQUE – um fenômeno linguístico muito interessante.

Roberto Henry Ebelt

26.02.2016

CALQUE – um fenômeno linguístico muito interessante.

Se você pensou no verbo decalcar, você está no caminho certo, pois CALQUE [kélk]é uma expressão em uma língua X baseada (calcada) numa expressão de uma língua Y. Veja um exemplo absurdo:

  • TÃO PERDIDO QUANTO CUSCO EM PROCISSÃO:
  • AS LOST AS A DOG IN A PROCESSION.

Se um brasileiro usasse esta expressão nos EUA e ela, por algum acaso do destino, ficasse popular, teríamos o fenômeno conhecido como CALQUE. No caso um de(calque) inglês de uma expressão brasileira. Até hoje, não encontrei nenhum CALQUE inglês de uma palavra ou expressão portuguesa.

Existem muitas expressões em inglês que são CALQUES de outros idiomas. O exemplo mais comum é a expressão inglesa FLEA MARKET, que é um (de)calque da expressão francesa MARCHÉ AUX PUCES (mercado com pulgas). A expressão portuguesa MERCADO DAS PULGAS (que não vende pulgas) também é um de(calque) da expressão francesa.

Observe que não se trata de uma tradução literal, pois literal seria MARKET WITH FLEAS. Lembro que traduções literais tem um único e restrito valor: mostrar, a quem está aprendendo um idioma, o significado isolado de cada palavra de uma frase. Eventualmente a tradução literal pode até coincidir com a tradução literária, que é a tradução que sempre devemos buscar e usar).

CALQUES também são conhecidos como LOAN TRANSLATIONS.

Vejamos mais exemplos de CALQUES:

O substantivo ARRANHA-CÉU é um (de)calque português da expressão inglesa SKYSCRAPER.

ADAM'S APPLE do francês POMME D'ADAM. (Pomo de Adão).

DEAF-MUTE do francês SOURD-MUET. (Surdo-mudo).

BY HEART do francês PAR COEUR. (de cor).

BEER GARDEN do alemão BIERGARTEN. (Lugar onde se bebe cerveja ao ar livre).

RAINFOREST do alemão REGENWALD. (Em português, floresta onde chove muito).

COMMONPLACE do latim LOCUS COMM?NIS. (Lugar comum).

WISDOM TOOTH do latim D?NS SAPIENTIAE. (Dente sizo).

REST IN PEACE (RIP) do latim REQUIESCAT IN PACE. (Descanse em paz).

Quando você traduz descuidadamente um provérbio brasileiro para o inglês você está involuntariamente tentando produzir um de(calque) inglês de uma expressão brasileira ou luso-brasileira, como eu fiz no exemplo do cachorro acima. Desnecessário dizer que tal tentativa não produzirá nada de útil.

Weekly tips on English you will find at: https://www.facebook.com/henrysbusinessnglish/?pnref=lhc

Have an excellent weekend.


Tags: Roberto Henry Ebelt, inglês, artigo, coluna, Ebelt


Roberto Henry Ebelt é professor, escritor, escreveu uma coluna semanal para o Jornal do Comércio de Porto Alegre entre 2001 e 2013, e é diretor do curso HENRY'S BUSINESS ENGLISH desde 1971.

Seu mais recente livro, O QUE VOCÊ DEVE SABER ANTES DE ESTUDAR INGLÊS, pode ser encontrado nas livrarias Disal, Cultura e SBS ou à rua Hoffmann, 728 em Porto Alegre.

E-mail: roberto@henrys.com.br
Fone (51) 3222-3144
www.henrys.com.br
Página no Facebook: https://www.facebook.com/henrysbusinessnglish/?pnref=lhc




Opinião do internauta

Deixe sua opinião

Comemoramos hoje - 18.11

  • Dia da Dedicação das basílicas de São Pedro e São Paulo
  • Dia de Santa Maudez
  • Dia de Santo Edmundo
  • Dia do Anjo Nith-haiah
  • Dia do Conselheiro Tutelar
  • Dia do Tabelião e Registrador