Últimas notícias

Colunistas

RSS
Grêmio se distancia do título

Ilgo Wink

04.09.2016

Grêmio se distancia do título

O Grêmio com dois volantes de origem funcionava, algumas vezes à perfeição. Contrariava alguns doutos da aldeia, gente influente, com espaço na mídia. 

Não sei se Roger Machado se deixou influenciar, ou se ele no fundo só esperava ter três bons volantes para desmanchar o esquema que ele mesmo consagrou no Grêmio e que o levou ao primeiro time dos técnicos do país.

No meu comentário anterior, alertei que era um equívoco essa mudança. 

O que se viu neste domingo de jogo isolado (atrasado) do Brasileirão foi um desastre. Os três bons volantes foram reduzidos a edinhos e ramiros. Wallace fez uma partida abaixo da crítica. Maicon foi apenas esforçado e Jailson, que vinha despontando com brilho, desabou.

Perdido o meio-campo, perdido o jogo. O Botafogo fez 2 a 0 e poderia ter feito até mais. O Botafogo que vinha de goleada diante do Cruzeiro, um time que recém saiu da zona de rebaixamento.

A derrota por 2 a 1 foi lamentável sob todos os aspectos. A começar pelo simples fato que praticamente soterra o sonho de título no Brasileirão.

Resta ainda a Copa do Brasil, mas não será nada fácil.

Aprendi que quando as individualidades fracassam em conjunto, é porque o time foi mal montado.

Vou apenas destacar o Luan pelo esforço em abrir espaço na frente. A dupla de área também esteve num nível aceitável.

Mas o que dizer de Marcelo Oliveira? Nada, não digo nada porque nada diz tudo sobre o que ele foi no jogo. 

O outro lateral, Edilson, pareceu perturbado com os xingamentos da torcida do Fogão, que tem má lembrança de sua passagem por lá.

Henrique Almeida na frente parecia uma barata tonta. É bem verdade que não foi privilegiado por uma das tais metidinhas de Douglas.

E por falar no ‘maestro’, que, é verdade, teve seu contrato renovado,  passou em branco pelo jogo. Deixou Luan jogando sozinho.

Pra não dizer que tudo foi ruim, restou o gol de Batista, coisa de atacante matador.

Claro, ele volta para o banco e talvez algum dia tenha nova oportunidade.

ROGER

Roger Machado está sofrendo um massacre nas redes sociais. Acho isso injusto pelo que ele já fez.

Agora, ele parece atrair raios. Mais ou menos como o Sartori no governo do Estado.

O Grêmio perdendo por 2 a 0, e ele saca um volante para colocar outro, que é pior que o que saiu.

Era o momento de tentar Lincoln, ou outra alternativa com mais vocação ofensiva.

Mas, como escrevi no comentário anterior, Ramiro é o 12º segundo jogador de Roger.

Enquanto ele seguir prestigiando jogadores como Ramiro, Marcelo Oliveira e Douglas não irá escapar do fogo cruzado nas redes sociais.

Uma pena, porque se trata de um técnico que já provou suas qualidades.


Tags: Ilgo Wink, esporte, inter, grêmio, futebol


Ilgo Wink é jornalista formado pela Ufrgs. Trabalhou na Folha da Tarde, Correio do Povo, Rádio Guaíba, Rádio da Universidade e TV Bandeirantes. Hoje, dirige a WComm Comunicação Ltda.  Nas horas vagas produz cerveja artesanal e mantém o blog: Blog do Ilgo.

E-mail: ilgowink@gmail.com

twitter: twitter.com/ilgowink




Opinião do internauta

Deixe sua opinião

colunas anteriores

Comemoramos hoje - 21.11

  • Dia da Apresentação de Nossa Senhora
  • Dia da Homeopatia
  • Dia das Saudações
  • Dia do Anjo Seheiah
  • Dia do Município Brasileiro
  • Dia Mundial da Televisão