Últimas notícias

Colunistas

RSS
Vaga no G-4 e eleição no Grêmio

Ilgo Wink

13.09.2016

Vaga no G-4 e eleição no Grêmio

Quer irritar um gremista, além do que ele já está? Diga que o time ainda briga por vaga no grupo da Libertadores/2017.

O gremista, pelo menos a maioria maciça (entre os quais eu me incluo) cansou de vaga. Gremista quer título.

Havia uma perspectiva boa no atual Brasileirão. Mas o time tropeçou diante de clubes inferiores e viu o título se distanciando rodada após rodada.

Depois de algumas exibições alentadoras, aumentou a expectativa de enfim festejar um título de expressão depois de 15 anos.

Atuações obscenas e resultados pornográficos resultaram numa enorme frustração.

Por isso, essa cantilena de vaga na Libertadores é irritante.

Ao menos no momento. Se ela vier mais adiante, é claro que muitos irão festejar, discretamente, mas muito mais por uma questão de rivalidade.

O Inter anda lambendo o piso da tabela de classificação e até corre o risco de se acomodar no grupo do rebaixamento.

Não tenho dúvida de que o gremista comemoraria com mais entusiasmo um eventual rebaixamento colorado – o que não acontecerá como todos nós sabemos pelas razões que estão muito claras – do que o ‘título’ de terminar no G-4.

Mas voltemos à realidade atual.

O Grêmio enfrenta a Ponte Preta. É lá em Campinas, onde normalmente todos os times enfrentam dificuldades. O Grêmio entre eles.

Mas o Grêmio tem um reforço importante, e isso faz com que eu acredite numa vitória. 

O Grêmio precisa jogar pelos três pontos, indo pra cima, marcando a saída de bola. Empate e derrota é quase a mesma coisa.

O que interessa são os três pontos. Para isso, o time conta com um reforço realmente alentador:

a ausência de Douglas.

Como todos sabem, Douglas fora de casa é quase ridículo. Na Arena, sim, ele tem feito boas partidas, algumas até excelentes.

Sem Douglas, as chances de vencer a Ponte aumentam.

E aumentam ainda mais se Roger abrir mão dos três volantes.

Lincoln deveria começar no lugar do ‘maestro’. Mas desconfio que Roger vai de Negueba.

Se Lincoln não começar, ou sequer entrar no decorrer do jogo, vou dar razão ao meu amigo RW, titular do cornetadorw, que no começo da temporada, antevendo que Lincoln não teria chance, sugeriu o empréstimo do guri ao Santos.

Lá a gurizada tem vez.

ELEIÇÃO PARA O CONSELHO

Como todos sabem ou desconfiam, sou candidato ao Conselho Deliberativo do Grêmio.

Estou na chapa 4. Situação. Acredito demais no trabalho de Romildo Bolzan e seus companheiros.

Até porque as alternativas não são, ao menos pra mim, animadoras.

Bem, se um dia eu tiver poder de decisão no futebol: vou acabar com a cultura do ‘pontinho fora’ em jogos do Brasileirão.

Vou detonar com a cultura do conformismo: ah, ao menos podemos lutar por vaga na Libertadores.

Vou acabar com essa história de o ‘grupo’ (de jogadores) interferir de alguma forma na gestão do futebol. 

Mas isso se um dia eu tiver poder…


Tags: Ilgo Wink, esporte, inter, grêmio, futebol


Ilgo Wink é jornalista formado pela Ufrgs. Trabalhou na Folha da Tarde, Correio do Povo, Rádio Guaíba, Rádio da Universidade e TV Bandeirantes. Hoje, dirige a WComm Comunicação Ltda.  Nas horas vagas produz cerveja artesanal e mantém o blog: Blog do Ilgo.

E-mail: ilgowink@gmail.com

twitter: twitter.com/ilgowink




Opinião do internauta

  • Alexandre Cabral Rossi (14.09.2016 | 12.36)
    Análise perfeita, eu acrescentaria que nosso esquema tático de jogo já está mais do que manjado por todos os demais times. Jogam como se estivessem em um treino coletivo, muitos passes e muitos errados inclusive. Time sempre atrás, ninguém avança, sem garra. Trocam passes até que o time adversário consiga se armar na defesa. Para o adversário basta esperar que o Grêmio avance, perca a bola e possam se jogar no contra ataque, com velocidade, que não temos. Nossa zaga fica aberta e daí é só concluir a gol. Temos zaga fraca, meio campo que fica ciscando e errando, ataque ineficiente, não temos cobradores de falta, escanteios sempre perdidos. Enfim é uma falta de vontade de jogar que dá nos nervos. O Douglas, só pensa em ter uma poltrona em campo pra ficar sentado, assistindo, louco que termine logo a partida. O Luan, um verdadeiro ciscador, o Walace parece que está jogando com crianças, chutes fracos, passes errados, não sei como foi convocado. Chutes errados a gol, nem se fala, com uma goleira daquele tamanho até uma criança acertaria. É triste ! Encontraremos o Inter na série B e Brasil de Pelotas será nosso representante na série A de 2017.
  • Resposta do Colunista:
Deixe sua opinião

colunas anteriores

Comemoramos hoje - 20.05

  • Dia da Ascensão do Senhor
  • Dia da Congregação Mariana
  • Dia de Mjollnir, o martelo mágico de Thor, o deus dos trovões (Mitologia Nórdica)
  • Dia de São Bernardino de Sena
  • Dia do Comissário de Menores
  • Dia do Tribunal Superior Eleitoral (TSE)
  • Dia Nacional do Medicamento Genérico