Últimas notícias

Colunistas

RSS
É fundamental blindar vestiário contra especulações

Ilgo Wink

07.07.2017

É fundamental blindar vestiário contra especulações

Não é fácil chegar ao topo, mas mais difícil é se manter por cima. O Grêmio não ganhou nada neste ano, a não ser reconhecimento – o que não é pouco.

Prestígio, elogios e tudo mais fazem bem ao ego gremista. Mas não enche a barriga. É preciso títulos.

Daqui a alguns anos ninguém irá comemorar grandes campanhas. A história só registra mesmo os títulos, como bem sabe a seleção brasileira do mundial de 82.

O caminho para chegar lá é espinhoso e traiçoeiro. Uma das dificuldades é que de repente começa a aparecer um pessoal aí a fim de desmantelar o time.

Os jogadores do Grêmio passaram a ser muito visados. Com certeza, há algumas propostas na mesa da direção tricolor.

Mas é certo também que a maioria das ‘notícias’ sobre interesse de clubes estrangeiros não tem fundamento, boatos plantados por empresários/procuradores que a imprensa, sempre ávida por fatos novos para abastecer programas de rádio e páginas de jornais nem se dá ao trabalho de apurar se realmente exite alguma veracidade no que se (des) informa.

Verdades ou não, o fato é que todo esse notíciário chega aos jogadores, um pessoal muito sensível e ligeiro quando se trata de ganhar ainda mais do que ganham e o mais rápido possível porque ‘a carreira é curta’, conforme ‘demonstram’ Zé Roberto, Dalessandro e outros trintões e quarentões.

A cada dia surge alguma especulação sobre transação envolvendo jogadores do Grêmio. E isso me preocupa, independente de sair negócio. Se sair, então, é ainda pior.

O Grêmio chegou a um estágio em que conquistar algum título importante é fundamental. Há uma expectativa enorme nesse sentido. Qualquer revés será uma ducha de água gelada na torcida.

Não se discute se o Grêmio será campeão. A questão, na cabeça gremista, é campeão de que?

Copa do Brasil, Libertadores, Brasileirão?

Até aí tudo bem. O problema que eu vejo neste momento é que essas ‘informações’ sobre propostas do exterior podem mexer com a cabeça dos boleiros, e atrapalhar a caminhada rumo à glória.

Vejo tudo isso como mais um desafio ao Renato e aos dirigentes.

Acredito que Renato, que já viveu essa situação quando jogava, saberá fazer com que jogadores como Luan, Pedro Rocha, Ramiro, Lucas Barrios, Geromel , entre outros, mantenham o foco nas competições e não se perturbem com sedutoras ofertas milionárias que muitas vezes se limitam às páginas de jornais.

É importante neste momento manter o vestiário blindado contra a enxurrada de especulações.


Tags: Ilgo Wink, esporte, inter, grêmio, futebol


Ilgo Wink é jornalista formado pela Ufrgs. Trabalhou na Folha da Tarde, Correio do Povo, Rádio Guaíba, Rádio da Universidade e TV Bandeirantes. Hoje, dirige a WComm Comunicação Ltda.  Nas horas vagas produz cerveja artesanal e mantém o blog: Blog do Ilgo.

E-mail: ilgowink@gmail.com

twitter: twitter.com/ilgowink




Opinião do internauta

Deixe sua opinião

colunas anteriores

Comemoramos hoje - 20.05

  • Dia da Ascensão do Senhor
  • Dia da Congregação Mariana
  • Dia de Mjollnir, o martelo mágico de Thor, o deus dos trovões (Mitologia Nórdica)
  • Dia de São Bernardino de Sena
  • Dia do Comissário de Menores
  • Dia do Tribunal Superior Eleitoral (TSE)
  • Dia Nacional do Medicamento Genérico