Últimas notícias

Colunistas

RSS
Demorou, mas a Fifa corrigiu erro histórico

Ilgo Wink

27.10.2017

Demorou, mas a Fifa corrigiu erro histórico

Não dei bola quando a Fifa não referendou o Mundial de 1983, e agora não ligo (muito) para o reconhecimento dos títulos conquistados por grandes clubes de 1960 a 2014.

Não via sensatez e sequer um mínimo de seriedade numa decisão que atingia, por exemplo, o Santos de Pelé. Nada mais do que isso: o Santos de Pelé deixava de ser campeão mundial de clubes num canetaço.

Ora, coisa de burocrata que não tem mais o que inventar para aparecer, ser notícia no mundo inteiro.

Como acontece agora, quando essa entidade recuou e, num outro canetaço (estimulado pela Conmebol), decidiu que Santos, Flamengo, Grêmio e São Paulo são aquilo que a gente já sabia: campeões do mundo.

Em 2010, cheguei a lançar a cerveja 1983, justamente para registrar através do precioso líquido dourado que o Grêmio é o primeiro clube do sul do país a ser campeão mundial.

O Inter só chegou lá 23 anos depois. E como se sabe, segundo é sempre o segundo.

Era uma dor tão grande que os colorados – esses que sofreram por mais de duas décadas – passaram a usar essa cantilena de que o título do Inter era o único chancelado pela Fifa, tentando diminuir o verdadeiro primeiro mundial de clubes do futebol gaúcho.

A decisão da Fifa, na verdade, não muda nada. O Santos nunca deixou de ser campeão do mundo de 61 e 62, nem o Grêmio em 83, o Flamengo em 81, e o São Paulo em 92 e 93, foram títulos conquistados no campo, não nos gabinetes, por grandes clubes como Penarol, Nacional, etc.

Bem, apesar de tudo isso, estou contente com essa decisão da Fifa. Primeiro, porque confirma o que já se sabia; segundo, porque acaba com mais um argumento dos colorados nas discussões de mesa de bar, a exemplo de tantos outros que estão caindo por terra desde o ano passado, em especial essa bobagem de que “time grande não cai”.

Então, cumprimentos a Fifa por colocar a coisa em seu devido lugar. Mais um duro golpe nos colorados. Nunca pensei que viveria para assistir a tudo isso.


Tags: Ilgo Wink, esporte, inter, grêmio, futebol


Ilgo Wink é jornalista formado pela Ufrgs. Trabalhou na Folha da Tarde, Correio do Povo, Rádio Guaíba, Rádio da Universidade e TV Bandeirantes. Hoje, dirige a WComm Comunicação Ltda.  Nas horas vagas produz cerveja artesanal e mantém o blog: Blog do Ilgo.

E-mail: ilgowink@gmail.com

twitter: twitter.com/ilgowink




Opinião do internauta

Deixe sua opinião

colunas anteriores

Comemoramos hoje - 25.02

  • Criação do Ministério das Comunicações (1967)
  • Criação do Ministério do Interior (1889)
  • Criação do Ministério dos Transportes (1967)
  • Dia de Santa Valburga
  • Dia de São Cesário
  • Dia de São Tarásio