Últimas notícias

Colunistas

RSS
O Santos do século 21 contra o Santos sem mística

Ilgo Wink

05.05.2018

O Santos do século 21 contra o Santos sem mística

Na sexta-feira telefonei para o jornal A Tribuna, de Santos. Objetivo era encontrar um contato do Mengálvio, , que formava dupla com Zito no histórico e insuperável time do Santos da década de 60.

Dorval, Coutinho, Pelé e Pepe. Era o ataque daquele time fantástico que ‘vi’ jogar apenas por lances do Canal 100 ao som de Cadência do Samba, de Waldir Calmon. Quem não sabe do que estou falando, lamento informar, não viveu.

Antes de seguir na leitura, ou dela desistir, vá ao You Tube, ouça a música, e se você não sair cantarolando ou batucando na mesa, bem, é um caso perdido. Lamento.

Pois Mengálvio era um Maicon, um Sérgio Lopes, talvez um Gérson Canhotinha de Ouro, imagino, pelo que li a respeito desse time que povoa meu imaginário desde criança.

O meu amigo Ricardo Worthman, terror  da mídia vermelha, está promovendo esse almoço do dia 2 de junho reunindo remanescentes do Grêmio 12 em 13, dos anos 50 e, principalmente, anos 60, quando enfileirou sete títulos regionais, mais que o festejado, pelos colorados, Rolo Compressor, dos anos 40.

O RW quer trazer o Mengálvio, que jogou no Grêmio em 1968. Consegui alguns números de telefone, mas o contato ainda não foi mantido.

Enquanto não acertamos a vinda do Mengálvio, vou aproveitar para rever o Santos, meu time fora do Rio Grande do Sul.

Todos os que assistiam ao Canal 100 (tem no You Tube) acho que se tornaram santistas. Guardo na memória, com muito carinho, imagens do Santos goleando o Benfica num mundial ‘não-Fifa’. O Santos de uniforme todo branco, luminoso, e Pelé, com o número 10 nas costas, protagonizando lances que se eternizaram.

O Santos que enfrenta o Grêmio neste domingo, 19h, na Arena, é um genérico daquele Santos de tantas glórias que o Grêmio enfrentou pela antiga Copa do Brasil com muita bravura e até com superioridade, atuações que só não resultaram em título por causa de arbitragens cretinas.

Vejam só, talvez a atração maior desse Santos real, desnudo, sem mística, é um jogador que muita gente conhece como Cuzão, vejam só. Como será o encontro dele com Luan? Tanto faz.

Mas não é por esse motivo tão menor que irei à Arena. Vou porque em campo estará o Santos do século 21 (só falta a música do Canal 100 como pano de fundo e, claro, aquele Pelé que encantou o mundo):

Marcelo Grohe; Léo Moura, Geromel, Kannemann e Bruno Cortez; Maicon, Arthur, Ramiro, Luan e Everton; André.

Dá pra perder?

ATENÇÃO

No cornetadorw tem um canal 100 com Grêmio x Santos. Acesse e confira.

Difícil é achar Canal 100 com o Inter.

12/13

Se alguém souber o paradeiro de algum dos jogadores que defenderam o Grêmio nesse período, por favor, entre em contato.

Ah, todos convidados para o almoço, é só reservar lugar no Copacabana.


Tags: Ilgo Wink, esporte, inter, grêmio, futebol


Ilgo Wink é jornalista formado pela Ufrgs. Trabalhou na Folha da Tarde, Correio do Povo, Rádio Guaíba, Rádio da Universidade e TV Bandeirantes. Hoje, dirige a WComm Comunicação Ltda.  Nas horas vagas produz cerveja artesanal e mantém o blog: Blog do Ilgo.

E-mail: ilgowink@gmail.com

twitter: twitter.com/ilgowink




Opinião do internauta

Deixe sua opinião

colunas anteriores

Comemoramos hoje - 23.06

  • Dia das Nações Unidas para o Serviço Público
  • Dia de São Zeno
  • Dia do Anjo Melahel
  • Dia do Lavrador
  • Dia Universal Olímpico