RicardoOrlandini.net - Informa e faz pensar - Colunista - Diário de Romeu Issa: de Buenos Aires a Porto Alegre em três dias

Últimas notícias

Colunistas

RSS
Diário de Romeu Issa: de Buenos Aires a Porto Alegre em três dias

Mafalda Orlandini

09.06.2014

Diário de Romeu Issa: de Buenos Aires a Porto Alegre em três dias

Quando embarcamos no navio “Ciudad de Buenos Aires”, não imaginávamos que iniciávamos uma segunda excursão, o “Retorno em Três Dias”. É isso mesmo porque levamos três dias de Buenos Aires a Porto Alegre. Quando amanheceu, no dia 16 de julho, aportamos na Aduana uruguaia que nos impressionou pelo número de policiais de olho em nossa bagagem. Foram momentos de suspense em que o professor Ney e o colega Paixão conseguiram liberar nossas malas com alguma “plata”. Em seguida, foram à agencia da ONDA tratar um ônibus que nos levasse a Livramento.


Ônibus da ONDA usado nos anos 50 no Uruguai.

Quando o ônibus chegou às dez horas, tivemos dificuldade em ajeitar as malas que haviam dobrado em número. Todos bem acomodados, partimos e não demorou muito para alguns colegas ressonarem em suas confortáveis poltronas reclináveis.


Hotel Espanhol na cidade de Florida no Uruguai.

Em Florida, nos esperava um colorido e delicioso almoço previamente encomendado no Hotel Espanhol. E, no final desse dia, mais ou menos às oito horas, cruzamos a fronteira e pouco depois estávamos alojados no Grande Hotel localizado junto à Praça da Prefeitura. Foi um momento de alegria, descontração, estávamos no Brasil, satisfeitíssimos com nossas compras e instalados em um hotel que fazia jus ao seu nome, grande e quase suntuoso. Terminamos o primeiro dia da volta, passeando pela gélida noite da hospitaleira Santana do Livramento

No dia 17 de julho, um grupo quis passear em Rivera. Ficaram comentando a diferença de preços das lojas argentinas com as lojas de Rivera. Ao meio dia, quando a turma se reuniu para o almoço, foi feita a contabilidade do dinheiro arrecadado para a excursão e eu vi algo que muito me surpreendeu; havia sobrado dinheiro. Descontadas as despesas que ainda teríamos para chegar em casa, ficou decidido que cada um receberia duzentos cruzeiros como ajuda de custo ou para gastar no que quisesse. Combinou-se também que iríamos embarcar, no dia seguinte no “Maria Fumaça”. Formou-se uma comissão que foi ao Prefeito e à Viação Férrea para pedir a gratuidade das passagens.


Uma antiga “Maria Fumaça”

Ao anoitecer chegaram umas garotas excursionistas de Venâncio Aires. O colega Rui Paixão era de família de Livramento e quis, à noite, nos levar a conhecer o Clube Caixeiral e o Clube Comercial. Visitamos as dependências dos dois clubes, mas, como não havia “baile” e tínhamos acompanhantes, as excursionistas, fomos dançar em Rivera. Era uma festa de bancários. Que, infelizmente, terminou à uma hora e tivemos que voltar ao hotel e dormir para acordar cedo para viajar no dia seguinte.

Iria encerrar o diário, contando as aventuras do final da excursão, mas me deu uma vontade louca de publicar a lista de todos os que participaram dela. Tenho uma leve esperança de que alguém se encontre ou tenha um conhecido ou parente nela.


Relação dos participantes da excursão datilografada por Romeu Issa.

Na próxima semana, sai o último dia da viagem daqueles que viveram dezoito dias como uma verdadeira família, enfrentando juntos e sem reclamar os pequenos contratempos que foram poucos graças a Deus.


Tags: Mafalda Orlandini. crônicas, textos


Mafalda Orlandini é professora de português e literatura aposentada. Lecionou nos colégios: Nossa Senhora do Rosário (Porto Alegre), Vera Cruz (Porto Alegre), Nossa Senhora dos Anjos (Gravataí), E.E. Presidente Kennedy (Cachoeirinha), E.E. Santos Dumont (Porto Alegre) e no Curso Pré-Universitário (Porto Alegre) onde ministrava aulas sobre redação.

Durante muitos anos fez parte da banca de correções de redação nos vestibulares da PUC-RS.

E-mail: mafalda.orlandini@hotmail.com

Facebook: http://www.facebook.com/mafalda.orlandini

 




Opinião do internauta

  • Roberto Henry Ebelt (10.06.2014 | 17.52)
    Oi Mafalda, Esse relato está ficando cada semana melhor. Estou curioso para ver se conseguiram gratuidade nas passagens de trem para Porto Alegre. Espero que nos informe sobre as escalas dessa viagem de volta e quantas horas durou. Abraços Roberto
  • Resposta do Colunista:

    Oi , Roberto. Estou terminando o Diário. Já vais saber o final. Não sei se era a lábia do Rui ou do Ney, mas conseguimos muitas coisas que até Deus duvida ,principalmene harmonia no grupo.. Um abraço,

Deixe sua opinião

Comemoramos hoje - 16.08

  • Dia de São Estevão
  • Dia de São Roque
  • Dia do Anjo Elemiah
  • Dia do Filósofo