Últimas notícias

Colunistas

RSS
Culpa do gramado

Luiz Henrique Nuñez

17.06.2017

Culpa do gramado

Já estamos ficando repetitivos. Não somente o que escrevo aqui. Igualmente se repetem os comentários nas redes sociais, dos jornalistas e as entrevistas pós jogo, em especial do vice-presidente Roberto Melo e do treinador. Nosso time fez mais um mal jogo, com escalação com algumas surpresas, substituições com as quais quase ninguém concorda e desempenho que não nos permite sequer estar no G4 da fraca Série B.

Sei que é muito chato ficar criticando neste momento. Seria o ano para incondicional apoio. O clube deveria estar unido em prol de retomarmos o caminho da Série A e das grandes conquistas. Mas é difícil ficar indiferente. Esperava mais daqueles que venceram as eleições parecendo ter soluções para tudo. O que estamos vendo é um time carente de jogadores para posições importantes e com excesso em outras. Também vemos a insistência em escalar determinados jogadores com fraco desempenho. Muitas vezes estes permanecem em campo enquanto outros são substituídos. Escrevo isto porque encontro respaldo ao que penso na maioria da torcida e nos profissionais que comentam os jogos. O caso mais emblemático é o de Marcelo Cirino. Este jogador saiu do Flamengo, onde não estava bem, sendo que sua torcida festejou quando deixou a Gávea. Se lá não tinha oportunidade, no Inter virou um titular absoluto, como ele mesmo disse.

As desculpas são quase sempre as mesmas. A mais chata é a do calendário. Este é ridículo mas igual para todos, difícil para todos. O que dizer dos clubes que estão jogando 3 competições simultaneamente? E alguns, infelizmente, jogando muito bem.

Melo diz que não tem dinheiro para maiores investimentos. Deve se referir a novos investimentos certamente. Afinal trouxe 14 jogadores, entre eles alguns que parecem não satisfazer as expectativas de nossa torcida. Sem contar os 43 dispensados, onde alguns certamente poderiam ter ficado. Não citarei nomes, mas creio que  poderíamos ter economizado em alguns deles. E ainda se lê, não acredito que seja verdade, que poderemos contratar mais um atacante, o Luciano. Não seria melhor outro zagueiro, lateral ou meia?

Quem realmente merece um tempo é o Guto Ferreira. Seria injusto colocar como responsabilidade do treinador, que chegou a pouco, os fracos desempenhos. Mas convenhamos. Se não melhora o preparo físico, se ainda não deu para treinar um sistema de jogo novo, não daria ao menos para uma escalação mais equilibrada e, por consequência, mais do agrado do torcedor?

Enfim, temos que ter paciência. E acreditar que com os jogos em casa, serão 3 em 4, nos colocaremos em posição mais confortável. Depois, com algumas semanas cheias para treinamento, veremos enfim o “planejamento” ser seguido com o sucesso que todos esperamos.

Hoje foi culpa do gramado!


Tags: Luiz Henrique Nuñez, colorado, Internacional, futebol


Luiz Henrique Nuñez é administrador de empresas e analista de sistemas. Trabalhou na RBS e é empresário desde 1982, quando fundou a primeira de suas duas empresas. É conselheiro do Sport Club Internacional há 15 (quinze anos) e exerceu a 2a. vice-presidência eleita e também a vice-presidência de marketing e mídia do clube do povo do Rio Grande do Sul.

Twitter: @LuizNunez
 
 



Opinião do internauta

Deixe sua opinião

Comemoramos hoje - 23.10

  • Dia da Aerofilatelia
  • Dia da Aviação e do Aviador
  • Dia de São Severino
  • Dia do Anjo Mumiah