Últimas notícias

Esportes

RSS
19.04.2017 | Futebol

Antes de viagem, Grêmio treina sem Bolaños, Edílson e Léo Moura

Renato Gaúcho relacionou 27 jogadores para jogo contra o Guarani-PAR (Foto: Lucas Uebel/Grêmio)

Antes de embarcar para Assunção, no Paraguai, o elenco tricolor realizou na manhã desta terça-feira um último treino no CT Luiz Carvalho. A primeira parte das atividades foram com portões fechados. Quando o técnico Renato Portaluppi permitiu o acesso da imprensa, os suplentes do Grêmio realizavam trabalho tático e os titulares corriam no gramado. A exceção foram os jogadores Léo Moura, Edílson e Miller Bolaños, que não apareceram em campo.

Na coletiva após o treino, Renato afirmou que preservou esses atletas e que não preocupam para o confronto contra o Guarani-PAR. “Eu costumo preservar. Nem sempre 48 horas antes de uma partida todos treinam no campo. Até porque os jogos são bastante pegados. A gente procura recuperar totalmente o jogador. Eu fiz isso no último treino antes do jogo contra o Novo Hamburgo”, disse.

O treinador também ressaltou que o time deve ter foco total até o final de cada partida. “Não tirando os méritos dos adversários, mas os três gols que tomamos nas duas últimas partidas foram falhas nossas. Então a gente tem que ter atenção total e concentração durante os 90 minutos”, comentou.

Renato também falou sobre a supremacia brasileira nesta fase da Copa Libertadores. “Na minha opinião, os brasileiros são os mais fortes desta Libertadores, sem dúvida alguma. Mas isso não credencia nenhum time brasileiro na próxima fase ou em ser campeão. Futebol é necessário estar ligado o tempo todo. Na Libertadores não se pode dar mole. O maior exemplo foi a nossa última partida contra o Iquique-CHI”, destacou.

O Tricolor de Porto Alegre viaja às 23h desta terça-feira para o Paraguai em voo fretado. O técnico relacionou 27 jogadores para o confronto desta quinta-feira contra o Guarani-PAR, no Estádio Defensores del Chaco, às 19h30 (de Brasília), pela terceira rodada do grupo 8 da Copa Libertadores. Quem vencer a partida assume a liderança da chave. Em casa de empate, os gaúchos permanecem na liderança com o mesmo número de pontos, mas com maior saldo de gols.

Fonte: Gazeta Esportiva.net


Tags: Grêmio, tricolor, Gauchão, Libertadores, Renato Portaluppi





Opinião do internauta

Deixe sua opinião

Datas anteriores:

Relacionadas

Comemoramos hoje - 17.10

  • Dia da Indústria Aeronáutica Brasileira
  • Dia de Santo Inácio de Antioquia
  • Dia do Anjo Manakel
  • Dia do Eletricista
  • Dia Nacional da Vacinação