Últimas notícias

Esportes

RSS
19.05.2017 | Futebol

River Plate vence com reservas e pode estragar planos do Atlético-MG

O River Plate utilizou seus reservas pela segunda vez nessa Libertadores da América e mesmo assim é líder do Grupo 3 (Foto: Diego Haliasz/CARP)

Com a classificação garantida na Copa Libertadores da América, o técnico Marcelo Gallardo resolveu poupar seus principais jogadores na noite dessa quinta-feira, contra o Melgar, pela quinta rodada do Grupo 3. Mesmo assim, o River Plate deixou o estádio Monumental de La Unsa com a vitória por 3 a 2. Dessa forma, os argentinos se tornam os grandes favoritos para encerrar essa primeira fase na liderança geral da competição sul-americana. Por outro lado, os peruanos estão eliminados com uma rodada de antecedência.

Os três pontos conquistados nessa quinta levaram o River a 13, mesma pontuação do Atlético-MG, que ainda se sustenta na ponta devido ao saldo de gols (11 a 6). Porém, o Galo já encerrou sua participação nessa fase, enquanto a equipe de Gallardo ainda terá mais uma rodada a cumprir. Na próxima quinta, o River Plate receberá o Independiente Medellín em Buenos Aires. Bastará um empate para os hermanos tomarem o posto dos mineiros.

A esperança dos atleticanos se mantém pelo fato do Independiente necessitar de uma vitória para se classificar. Com seis pontos, os colombianos têm um a menos que o Emelec, que também na quinta entrará em campo, mas diante do já eliminado Melgar, no Equador.

De qualquer forma, o River Plate vai se colocando na condição de um dos favoritos ao título dessa Libertadores. No fim de semana, o time da Capital argentina bateu o Boca Juniors em plena La Bombonera. Por isso, Maidana e Ponzio sequer foram relacionados para essa quinta. Pity Martínez, Lucas Martínez, Rojas, Nacho Fernández e Driussi foram outros titulares poupados ao ficarem apenas como suplentes, no banco de reservas.

Mesmo assim, logo aos 11 minutos, Alario aproveitou sobra em cobrança de escanteio para abrir o placar no Peru. Pouco depois, aos 19, foi a vez de Mayada balançar as redes, após rebote do goleiro Alvárez.

A partida só não ganhou ares de resolvida porque o Melgar não demorou a responder. Aos 22, Omar Fernández diminuiu. E, com muita bravura, os donos da casa chegaram ao empate no segundo tempo, aos 16, com Herrera, depois de falha bizarra da dupla de zaga argentina.

O problema é que o empate não era suficiente ao Melgar, que partiu desesperado em busca de uma virada heroica que o manteria vivo na última rodada. O River, então, aproveitou o espaço deixado para o contra-ataque e foi mortal. Aos 24, Nacho Fernández, de peixinho, completou cruzamento da esquerda e deu a vitória aos visitantes.

Fonte: Gazeta Esportiva.net


Tags: River Plate, Libertadores, Atlético-MG, Melgar





Opinião do internauta

Deixe sua opinião

Datas anteriores:

Relacionadas

Comemoramos hoje - 19.10

  • Dia de São Paulo da Cruz
  • Dia do Anjo Habuhiah
  • Dia do Guarda Noturno
  • Dia do Profissional de Informática