Últimas notícias

Hoje na história

RSS
12 de Agosto de 1984.

Terminam os Jogos Olímpicos de Verão de 1984, realizados na cidade de Los Angeles


Os XX Jogos Olímpicos foram realizados na cidade de Los Angeles, EUA, entre 28 de julho e 12 de agosto de 1984, sem a participação de muitos dos países da Europa Oriental, liderados pela URSS, além de países comunistas como Cuba, Coréia do Norte e Etiópia, em retaliação ao boicote liderado pelos norte-americanos aos Jogos de Moscou, realizados quatro anos antes.

Apesar do boicote, que mais uma vez prejudicou o nível técnico de várias modalidades dominadas pelos europeus do leste e pelos cubanos, Los Angeles – candidata única à realização destes Jogos, devido ao receio geral provocado pelos grandes prejuízos econômicos sofridos por Montreal em seus Jogos de 1976 - recebeu a presença de um número recorde de atletas, 6.829 (1.566 mulheres, outro recorde) de 140 países e foi coberto por mais de 9.000 jornalistas de todo mundo.

A rica e imponente cerimônia de abertura, oficialmente feita pelo presidente Ronald Reagan, um nativo do estado da Califórnia, local dos Jogos, ocorreu no mesmo estádio olímpico, o Los Angeles Memorial Coliseum completamente remodelado, onde foram realizadas as primeiras Olimpíadas de Los Angeles em 1932 e contou com a emoção da entrada da chama olímpica carregada pela neta de Jesse Owens, o mais emblemático dos heróis olímpicos norte-americanos e grande nome dos Jogos de 1936 em Berlim, além da inesquecível participação do homem-foguete, numa demonstração da tecnologia dos anfitriões.

Mas o mais importante fato destes Jogos foi o anúncio, feito pelo Presidente do Comitê Organizador Peter Ueberroth meses após seu término, de que eles haviam dado um lucro de 200 milhões de dólares, além do lucro indireto à própria cidade, o que sinalizava que, desde que organizados com competência organizacional, parceria com a iniciativa privada e bom senso na administração financeira, os Jogos Olímpicos poderiam ser economicamente viáveis, afastando a sombra de uma extinção provocada pela impossibilidade econômica que pairava sobre eles.

O Brasil conseguiu nesta olimpíada a então melhor participação de sua história, com um total inédito de 8 medalhas, 1 de ouro, 5 de prata e 2 de bronze.

O grande nome da participação brasileira foi o meio-fundista Joaquim Cruz, campeão olímpico dos 800 metros rasos, derrotando num sprint espetacular o até então imbatível recordista mundial da prova Sebastian Coe, da Grã-Bretanha, e conquistando a primeira medalha de ouro brasileira no atletismo desde as vitórias de Adhemar Ferreira da Silva no salto triplo, trinta anos antes.

Tags: Jogos Olímpicos, olimpíadas, atletismo






Opinião do internauta

Deixe sua opinião

Hoje na história relacionadas

Comemoramos hoje - 20.02

  • Criação do Correio Aéreo Nacional (1931)
  • Dia de Santo Eleutério
  • Dia Mundial da Justiça Social