Últimas notícias

Hoje na história

RSS
26 de janeiro de 2006.

Ministro Antônio Palocci rebate denúncias na CPI dos Bingos


O ministro da Fazenda, Antonio Palocci, rebateu em 26 de janeiro de 2006, em mais de seis horas de depoimento à CPI dos Bingos, as denúncias de corrupção na Prefeitura de Ribeirão Preto (SP) na época em que ele administrava o município. Também negou o envolvimento nas irregularidades ocorridas no governo federal e na campanha do PT e descartou o uso de caixa 2 na eleição do presidente Lula. Repetiu que não pode ser responsabilizado pelos atos de antigos aliados, mas evitou atacar os ex-assessores Rogério Buratti e Vladimir Poleto.

Palocci foi acusado de chefiar um esquema de corrupção da época em que era prefeito de Ribeirão Preto - SP. Através da cobrança de mesadas de até 50 mil reais mensais de empresas que prestavam serviços à prefeitura, o ex-ministro da fazenda alimentava os cofres do seu partido, o PT, com dinheiro ilícito. Nada, porém, foi provado até este momento.

Em 27 de março de 2006, Palocci foi demitido pelo presidente Lula do cargo de ministro da Fazenda.

Sua situação ficou insustentável a partir da quebra ilegal do sigilo bancário do caseiro Francenildo Santos Costa, testemunha de acusação contra Palocci no caso da casa do lobby, mansão alugada pela chamada República de Ribeirão Preto para servir de sede para reuniões de lobistas e encontros com prostitutas, conforme investigações da CPI dos Bingos.

Tags: Bingos, CPI






Opinião do internauta

Deixe sua opinião

Comemoramos hoje - 20.08

  • Dia de São Bernardo
  • Dia do Anjo Cahethel
  • Dia do Maçom