Últimas notícias

Hoje na história

RSS
09 de fevereiro de 1943.

Segunda Guerra Mundial: A Batalha de Guadalcanal no sudeste do Pacífico é encerrada com vitória americana sobre as forças japonesas


A Batalha de Guadalcanal, ou Campanha de Guadalcanal, foi uma batalha terrestre e aeronaval travada de 7 de agosto de 1942 a 9 de fevereiro de 1943 entre norte-americanos, australianos e japoneses na ilha de Guadalcanal, no arquipélago das Ilhas Salomão, Oceano Pacífico, durante a Segunda Guerra Mundial.

A batalha foi a primeira grande ofensiva realizada pelos Aliados na Guerra do Pacífico após o ataque a Pearl Harbor e à Batalha de Midway, e se tornou significativa por marcar o ponto de virada na guerra, com a primeira vitória terrestre aliada no conflito.

Em 7 de agosto de 1942, tropas aliadas, predominantemente norte-americanas, começaram a desembarcar nas ilhas de Guadalcanal, Tulagi e Florida, no arquipélago das Salomão, com o objetivo de impedir o uso destas ilhas como base para que os japoneses cortassem as rotas de suprimento entre os Estados Unidos, a Austrália e a Nova Zelândia. Os Aliados também pretendiam usar estas ilhas como suas próprias bases de apoio a uma campanha militar visando a isolar a grande base japonesa do sudoeste do Pacífico em Rabaul, na Nova Guiné.

Em 8 de fevereiro de 1943, o último comboio do “Expresso de Tóquio” retirou de Guadalcanal os remanescentes, famintos, feridos e doentes. No dia seguinte, 9 de fevereiro de 1943, após quase seis meses de combates, o comando aliado declarou a ilha de Guadalcanal livre de inimigos, com a mensagem do general em comando Alexander Patch a seus superiores: “O Expresso de Tóquio não tem mais estação terminal em Guadalcanal”.

Tags: Segunda Guerra Mundial, Japão, Guadalcanal, batalha






Opinião do internauta

Deixe sua opinião

Hoje na história relacionadas

Comemoramos hoje - 10.12

  • Dia da Declaração Internacional dos Direitos Humanos
  • Dia de São Melquíades
  • Dia Internacional dos Povos Indígenas
  • Dia Universal do Palhaço