Últimas notícias

Hoje na história

RSS
11 de março de 1978.

Terrorismo: Onze combatentes palestinos do Fatah seqüestraram dois ônibus na estrada Haifa - Tel-Aviv matando 38 pessoas, sendo 13 crianças. Outros 76 israelenses ficaram feridos


A onda de ataques de Organização para a Libertação da Palestina desde o sul do Líbano em direção à Israel, entre 1977 e 1978, levaram a uma escalada de tensões entre os dois países.

Em 11 de Março de 1978, onze combatentes do Fatah desembarcaram em uma praia ao norte de Israel e seqüestraram dois ônibus cheios de passageiros na estrada Haifa - Tel-Aviv.

Ao todo, os rebeldes palestinos mataram 38 pessoas, sendo 13 crianças, e feriram 76 israelenses antes de serem mortos em um confronto com as forças de segurança israelitas.

Como resposta, tropas de Israel invadiram o Líbano três dias depois, em 14 de março, naquilo que ficaria conhecida como “Operação Litani”, a primeira ofensiva de grande envergadura efetuada por suas Forças de Defesa durante a guerra civil no país vizinho.

O exército israelense ocupou a maior parte da área ao sul do rio Litani. O Conselho de Segurança da Organização das Nações Unidas, por meio da aprovação das Resoluções nº 425 e 426, pedia a imediata retirada das forças israelenses que ocupavam o território libanês e criava a Força Interina das Nações Unidas no Líbano (Unifil), que seria encarregada da manutenção da paz na região.

Tags: Israel, terrorismo, atentado, Fatah, Operação Litani, Guerra Civil Libanesa, Líbano






Opinião do internauta

Deixe sua opinião

Hoje na história relacionadas

Comemoramos hoje - 23.07

  • Dia de Santa Brígida
  • Dia do Anjo Nanael
  • Dia do Guarda Rodoviário