RicardoOrlandini.net - Informa e faz pensar - Hoje na história - O Iraque enforca o jornalista britânico Farzad Bazoft acusado de espionagem, apesar dos apelos mundiais contra a execução. Ele havia trabalhado para o jornal London´s Observer

Últimas notícias

Hoje na história

RSS
15 de Março de 1990.

O Iraque enforca o jornalista britânico Farzad Bazoft acusado de espionagem, apesar dos apelos mundiais contra a execução. Ele havia trabalhado para o jornal London´s Observer


Farzad Bazoft (22 de maio de 1958 - 15 de março de 1990) foi um jornalista nascido no Irã, que vivia no Reino Unido desde meados da década de 1980. Ele trabalhou como repórter “freelancer” para o jornal britânico “The Observer”.

Após um dia, em um julgamento à portas fechadas, sem quaisquer provas conclusivas de sua culpa, Bazoft foi condenado e sentenciado à morte em 10 março 1990.

Ele foi condenado por espionagem a favor de Israel enquanto trabalha em uma história sobre uma explosão em um complexo de armas a 30 milhas (48 km) ao sul da capital iraquiana.

Ele foi executado pelas autoridades iraquianas em 15 de março de 1990. Em 2003, o “The Observer” estabelece contato com “Kadem Askar”, o coronel do serviço de inteligência iraquiano que dirigiu o primeiro interrogatório de Bazoft. Ele admitiu saber que Bazoft era inocente, mas que ele era impotente para ir contra as ordens de Saddam Hussein, que queria que fosse condenado e executado.

Tags: Iraque, execução, Saddam Hussein, espionagem, Kadem Askar






Opinião do internauta

Deixe sua opinião

Hoje na história relacionadas

Comemoramos hoje - 19.08

  • Dia de São Luis de Tolosa
  • Dia do Anjo Acaiah
  • Dia do Artista de Teatro
  • Dia do Fotógrafo e da Fotografia