Últimas notícias

Hoje na história

RSS
30 de junho de 1997.

Hong Kong: Expira o “Tratado de Nanjing” e a península volta a pertencer a China


Durante a Guerra do Ópio (1839-1842), Hong-Kong foi ocupada pelo Reino Unido e em 1898 a China entregou o território por um prazo de 99 anos à Coroa Britânica. A partir dessa data, a nova colônia passou a ser um importante centro de comércio.

No processo que levou ao estabelecimento da República da China, em 1912, Hong-Kong serviu de refúgio político para muitos dos opositores ao novo regime. Após 1912 o nacionalismo chinês afirmou-se hostil relativamente a potências externas. Entre 1925 e 1927 este regime proibiu o acesso de navios ingleses aos portos do Sul da China, fato que comprometeu seriamente o comércio de Hong-Kong.

A guerra sino-japonesa da década de 30 levou a China a procurar apoio contra o Japão junto aos países europeus como a Inglaterra, o que facilitou as até então difíceis condições de relacionamento entre ambos os países.

Em 1982, a China e o Reino Unido iniciaram conversações para a devolução da soberania sobre Hong-Kong à primeira. Um acordo assinado em 1984, em Pequim, determinou que a China tomaria conta do território a partir de 1º de Julho de 1997.

Hong-Kong desfruta do estatuto de Região Administrativa Especial, de acordo com a fórmula um país, dois sistemas, também aplicada a Macau a partir de 20 de Dezembro de 1999. Deste modo, o território continua a ser um porto livre e um centro financeiro internacional, e, exceto nas áreas da defesa e da política externa, tem um alto grau de autonomia. Não paga impostos ao Governo central e o seu modo de vida, incluindo a liberdade de imprensa, quase não foi alterado.

Tags: China, Inglaterra, Hong Kong






Opinião do internauta

Deixe sua opinião

Hoje na história relacionadas

Comemoramos hoje - 11.07

  • Dia de São Bento
  • Dia do Anjo Hahahel
  • Dia do Truco