Últimas notícias

Hoje na história

RSS
Quarta-Feira, 12 de Julho de 1543.

Sexto e último casamento de Henrique VIII de Inglaterra com Catarina Parr

Catarina Parr, Rainha Consorte da Inglaterra e Irlanda.

Henrique VIII (28 de junho de 1491 – 28 de janeiro de 1547) foi o Rei da Inglaterra de 1509 até sua morte, e também Lorde e depois Rei da Irlanda. Henrique foi o segundo monarca inglês da Casa de Tudor, sucedendo a seu pai Henrique VII.

Henrique é conhecido como o fundador da Igreja Anglicana. Suas lutas contra Roma ocasionaram a renúncia da Inglaterra à autoridade papal, a Dissolução dos Mosteiros e seu próprio estabelecimento como Chefe Supremo da Igreja de Inglaterra. Ainda assim ele continuou a acreditar nos principais ensinamentos católicos, mesmo após sua excomunhão. Henrique supervisionou a união legal da Inglaterra e Gales com os Atos das Leis em Gales de 1535 e 1542.

Em 1513, Henrique aliou-se com Maximiliano I, Sacro Imperador Romano-Germânico, e invadiu a França com um exército numeroso e bem equipado, porém pouco realizou com o enorme custo financeiro. Por outro lado, Maximiliano usou a invasão inglesa para seu próprio benefício, prejudicando a capacidade da Inglaterra de derrotar os franceses. Esse incidente marcou o início de uma obsessão de Henrique, que invadiu o país novamente em 1544. Desta vez, suas forças capturaram a importante cidade de Bolonha-sobre-o-Mar, porém o imperador Carlos V apoiou Henrique até onde julgava necessário e a Inglaterra, esgotada pelos custos da guerra, entregou a cidade de volta após pagamento de resgate.

Seus contemporâneos, durante seu auge, consideraram Henrique um rei atraente, bem educado e realizado, e ele já foi descrito como "um dos governantes mais carismáticos a ocupar o trono inglês". Além de reinar com poder considerável, Henrique também escrevia e compunha. Seu desejo de ter um herdeiro homem – em parte por causa de sua vaidade pessoal, por acreditar que uma mulher não seria capaz de consolidar a dinastia Tudor e também pela frágil paz existente após a Guerra das Rosas – levaram às duas coisas pelas quais Henrique é mais lembrado: seus seis casamentos e a Reforma Inglesa. Ele tornou-se obeso mórbido e com saúde fraca, contribuindo para sua morte em 1547. Ele é frequentemente caracterizado ao final de sua vida como concupiscente, egoísta, severo e inseguro. Henrique VIII foi sucedido por seu filho Eduardo VI, fruto de seu casamento com Joana Seymour.

Catarina Parr

Catarina Parr (Londres, 1512 – Winchcombe, 5 de setembro de 1548) foi a sexta e última esposa do rei Henrique VIII e Rainha Consorte do Reino da Inglaterra e Reino da Irlanda de 1543 até 1548.


Catarina Parr, Rainha Consorte da Inglaterra e Irlanda.

Catarina nasceu em 1512, provavelmente em agosto, embora a data exata seja desconhecida. Ela era a filha mais velha de Sir Thomas Parr, Lorde do Castelo de Kendal em Westmorland (hoje Cumbria), descendente de Rei Eduardo III, e Maud Green, filha e co-herdeira de Sir Thomas Green, Lorde de Greens Norton, Northamptonshire, e da sua mulher Maud Green. Catarina tinha um irmão mais novo, William, que mais tarde tornou-se o 1º Marques de Northampton, e uma irmã, Anne Herbert, Condessa de Pembroke, que mais tarde tornou-se Condessa de Pembroke. Sir Thomas Parr era bastante próximo do rei Henrique VIII. Sua esposa, Lady Parr, era amiga e dama de companhia da rainha Catarina de Aragão (primeira esposa do rei Henrique VIII). Presume-se que Catarina tenha sido batizada com esse nome em homenagem à rainha, que também era sua madrinha.

Com apenas 15 anos, casou com Edward, Lord Borough, que morreu poucos anos depois. No princípio da década de 1530, Catarina casou de novo com John Neville, Lord Latimer. Após a morte de Latimer, Catarina tornou-se numa viúva de enorme fortuna e atraiu as atenções de Tomás Seymour, irmão de Jane Seymour, que retribuiu. Catarina e Seymour fizeram planos de matrimônio, mas o rei Henrique VIII apaixonou-se por ela e propôs-lhe casamento. Sem força política para recusar os avanços do rei, Catarina cedeu e tornou-se na sua sexta mulher a 12 de Julho de 1543.

Reformista, ela discutia sobre religião com o rei. No final, Henrique permaneceu comprometido com uma mistura idiossincrática de catolicismo e protestantismo; o estado de espírito reacionário que tinha ganhado terreno após a queda de Cromwell não eliminou seu traço protestante nem foi superado por ele. Parr ajudou Henrique a se reconciliar com suas filhas Mary e Elizabeth. Em 1543, o Terceiro Decreto de Sucessão colocou suas filhas de volta na sucessão, atrás de Eduard. O mesmo decreto permitiu que ele determinasse a sucessão conforme sua vontade.

A sua relação com Henrique VIII não foi propriamente tranquila, sendo frequentes as discussões entre os dois. No entanto, dado que o foco da discórdia era teologia, Catarina nunca perdeu o favor político e Henrique apreciava a sua cultura e tenacidade intelectual. As suas convicções religiosas, que lhe valeram a censura de Henrique por ser demasiado Protestante, eram uma das características e influenciaram a sua enteada Isabel, de quem era especialmente amiga.

Após a morte de Henrique VIII, Catarina conseguiu casar com o seu antigo apaixonado, Tomás Seymour. O casamento não foi provavelmente o que ela esperava, uma vez que Seymour se mostrava mais interessado no dinheiro dela e na Princesa Elizabeth, então a viver com o casal. Apesar disso, Catarina ficou grávida pela primeira vez, após quatro casamentos, e morreu em 5 de setembro de 1548 de complicações relacionadas com o parto da sua filha Mary Seymour, que não sobreviveu por muito tempo. Foi sepultada na Capela de St. Mary, Castelo de Sudeley, Gloucestershire na Inglaterra.

Fonte: Wikipédia


Tags: Catarina Howard, Ana de Clever, Ana Bolena, Catarina de Aragão, Joana Seymour, Catarina Parr, Henrique VIII, casamento, rei






Opinião do internauta

Deixe sua opinião

Hoje na história relacionadas

Comemoramos hoje - 18.11

  • Dia da Dedicação das basílicas de São Pedro e São Paulo
  • Dia de Santa Maudez
  • Dia de Santo Edmundo
  • Dia do Anjo Nith-haiah
  • Dia do Conselheiro Tutelar
  • Dia do Tabelião e Registrador