Últimas notícias

Hoje na história

RSS
Terça-Feira, 22 de Julho de 1981.

Tribunal italiano condena Mohamed Ali Agca à prisão perpétua por tentativa de assassinato do papa João Paulo II, em 13 de maio


O extremista turco Mehmet Ali Agca é sentenciado em Roma à prisão perpétua por atirar no Papa João Paulo II.

Ao ser detido afirmou ser membro da Frente Popular para a Liberação da Palestina, ainda que a organização tenha negado qualquer relação com ele. Mais tarde, afirmou formar parte de uma conspiração financiada pela Bulgária, com o apoio da KGB para assassinar o Papa pelo seu apoio ao movimento polonês Solidariedade, embora isso nunca tenha sido confirmado. Agca foi condenado à prisão perpétua na Itália, mas recebeu anistia do presidente Carlo Azeglio Ciampi em junho de 2000. Quando retornou à Turquia, foi preso por um assassinato anterior.



Opinião do internauta

Deixe sua opinião

Hoje na história relacionadas

Comemoramos hoje - 29.05

  • Dia do Estatístico
  • Dia do Geógrafo
  • Dia do Sociólogo
  • Dia Internacional dos Mantenedores da Paz das Nações Unidas
  • Dia do Estatístico
  • Dia do Geógrafo
  • Dia Mundial da Energia
  • Dia do Sociólogo