Últimas notícias

Hoje na história

RSS
27 de Julho de 1996.

Jogos Olímpicos de Atlanta: dois mortos e 111 feridos por explosão de uma bomba no Parque Centenário

Fragmentos da bomba atingiram a escultura do Olympic Park

Jogos Olímpicos de 1996, oficialmente Jogos da XXVI Olimpíada, foram os Jogos realizados em Atlanta, capital do estado de Geórgia, nos Estados Unidos, entre 19 de julho e 4 de agosto de 1996. Marcaram os 100 anos dos Jogos Olímpicos da Era Moderna, sendo abertos pelo presidente dos Estados Unidos Bill Clinton. Os então 197 Comitês Olímpicos Nacionais filiados ao Comitê Olímpico Internacional enviaram suas delegações, num total de 10.318 atletas, sendo 3.512 deles mulheres, competindo em 30 esportes.

A comunidade olímpica internacional acreditava ser direito de Atenas, uma das candidatas e berço tanto dos Jogos da antiguidade quanto da Era Moderna, de sediar os Jogos no seu centenário. Entretanto, os delegados do Comitê Olímpico Internacional, na 96ª Sessão da entidade em 18 de setembro de 1990, em Tóquio, elegeram Atlanta como sede com 51 votos, contra 35 da cidade grega.

A escolha provocou protestos e acusações de suborno aos membros do COI foram inclusive veiculadas, sem provas. Além disso, os Jogos de Atlanta, que se esperava serem perfeitos pelos vultosos recursos investidos em sua organização, apresentaram vários percalços, como um inesperado problema nos transportes que ocasionou grandes engarrafamentos pela cidade no período de disputas, dificultando a locomoção entre os locais de competição, o calor intenso durante as apresentações e o mais grave deles, um atentado cometido com a explosão de uma bomba no Centennial Olympic Park, que resultou na morte de duas pessoas e ferimentos em outras 111.

Em seu discurso de encerramento, o então presidente do COI, Juan Antonio Samaranch, referiu-se aos Jogos recém-terminados com um "Bom trabalho, Atlanta" ao invés do costumeiro "Estes foram os melhores Jogos da história", usado até então.

O atentado

Na madrugada de sexta-feira para sábado, 27 de julho de 1996, às 1h20 local, uma explosão violenta ocorreu no coração do Centennial Olympic Park, frequentado por atletas e turistas para confraternizações.

O número de vítimas resultou em dois mortos e 111 feridos. O atentado matou a espectadora Alice Hawthorne e causou a morte do cameraman turco Melih Uzunyol por ataque cardíaco.

Muito rapidamente, o Comitê Olímpico Internacional condenou o incidente e disse para que os Jogos de Atlanta continuassem, como no passado, devido à sangrenta tomada de reféns nos Jogos de Munique em 1972. Naquele sábado, 27 de julho, foi feito um minuto de silêncio em todos os locais olímpicos e as bandeiras ficaram a meio mastro. Na cerimônia de encerramento, Juan Antonio Samaranch declarou que "nenhum ato de terrorismo destruiu ou jamais destruirá o Movimento Olímpico".

Poucos anos depois, um suspeito alegadamente chamado Eric Robert Rudolph, simpatizante de milícias extremistas e movimentos religiosos hostis ao governo federal foi julgado e condenado à prisão perpétua.

Fonte: Wikipédia


Tags: Jogos Olímpicos, Olimpíadas, atentado






Opinião do internauta

Deixe sua opinião

Hoje na história relacionadas

Comemoramos hoje - 21.05

  • Dia de Santo André Bóbola
  • Dia de Santo Hospício
  • Dia Mundial do Desenvolvimento Cultural (UNESCO)
  • Dia Nacional da Cachaça
  • Dia Nacional da Linguagem