Últimas notícias

Hoje na história

RSS
15 de agosto de 2000.

Um grupo de 100 pessoas da Coreia do Norte chega à Coréia do Sul para se encontrar com parentes, os quais não viam há meio século


As Coreias do Norte e do Sul deram um passo comovente e significativo no caminho para a reconciliação, após décadas de ódio, quando 200 famílias separadas após a divisão da península se reuniram pela primeira vez em meio século. A reunião emocionada de 100 norte-coreanos com suas famílias em Seul e 100 sul-coreanos com seus parentes em Pionguiangue foi um dos principais resultados da cúpula entre as duas Coréias, realizada em junho de 2000. Muitos dos participantes não haviam visto seus antepassados, cônjuges ou filhos desde os trágicos acontecimentos da Guerra da Coréia, entre 1950 e 1953.

O encontro foi realizado em um centro de convenções em Seul, mas o caos tomou conta do salão principal quando a fila de norte-coreanos se rompeu imediatamente, para se tornar num grupo de pessoas emocionadas, que simplesmente queriam o reencontro com seus entes queridos. Cada pessoa tinha que abrir caminho entre as 100 mesas numeradas, onde os familiares sul-coreanos esperavam com ansiedade durante horas. Em poucos minutos, o salão se transformou em um caótico maremoto de emoções, soluços, chamados em voz alta e gritos de emoção.

Esta reunião foi planejada pelo presidente sul-coreano, Kim Dae Jung, e o líder norte-coreano Kim Jong Il, em junho de 2000, na mais séria iniciativa de paz desde o fim da guerra.


Tags: Coreia, Guerra da Coreia, Coreia do Sul, Coreia do Norte, Divisão da Coreia, Kim Il-sung






Opinião do internauta

Deixe sua opinião

Hoje na história relacionadas

Comemoramos hoje - 20.10

  • Dia de Santa Iria
  • Dia do Anjo Rochel
  • Dia do Arquivista
  • Dia do Poeta
  • Dia Internacional do Chef de Cozinha
  • Dia Internacional do Controlador de Tráfego Aéreo
  • Dia Mundial e Nacional da Osteoporose