Últimas notícias

Hoje na história

RSS
15 de agosto de 1534.

Santo Inácio de Loyola cria a Companhia de Jesus, uma ordem de homens católicos romanos

Santo Inácio de Loyola, S.J.

Inácio de Loyola ou Loiola, nascido Íñigo López (Azpeitia, 31 de maio de 1491 — Roma, 31 de julho de 1556) foi o fundador da Companhia de Jesus, uma ordem religiosa católica romana que teve grande importância na Reforma Católica, cujos membros são conhecidos como os jesuítas. Em 2009, a Companhia de Jesus era a ordem religiosa masculina mais numerosa na Igreja Católica.

Fundação da Companhia de Jesus

Em 15 de agosto de 1534 Inácio e seis outros estudantes (o francês Pedro Fabro, os espanhóis Francisco Xavier, Alfonso Salmerón, Diego Laynez, e Nicolau de Bobadilla e o português Simão Rodrigues) encontraram-se na Capela dos Mártires, na colina de Montmartre, e fundaram a Companhia de Jesus na capela cripta de Saint-Denis, na Igreja de Santa Maria, em Montmartre, "para efetuar trabalho missionário e de apoio hospitalar em Jerusalém, ou para ir aonde o papa quiser, sem questionar". Nesta ocasião fizeram os votos de pobreza e castidade.

Em 1537 eles viajaram até a Itália para procurar a aprovação papal a sua viagem à Terra Santa. O Papa Paulo III concedeu-lhes a aprovação e permitiu que fossem ordenados padres. Foram ordenados em Veneza pelo bispo de Arbe (24 de junho).

Inicialmente, dedicaram-se a pregar e a efetuar obras de caridade na Itália. A guerra reatada entre o imperador, Veneza, o papa e os turcos otomanos, tornava qualquer viagem até Jerusalém pouco aconselhável.


Basílica de Santo Inácio de Loyola, construída no local de seu nascimento.

Os companheiros decidiram esperar um ano na esperança de conseguirem chegar ao destino almejado. Neste período, iam dois a dois pelas terras venezianas a visitar prisões e hospitais, catequizar crianças, realizar obras de caridade.

Na companhia de Fabro e Lainez, Inácio viajou até Roma em outubro de 1538, para colocar-se à disposição do papa. No caminho, Inácio detém-se em oração em uma capela próxima a Roma, la Storta. Neste local, relata ter feito uma experiência profunda, que marcou decisivamente o futuro do grupo: viver em Roma.


"Os milagres de Santo Inácio" (1617-1618), de Peter Paul Rubens

Canonização

Foi canonizado a 12 de março de 1622 pelo Papa Gregório XV. Festeja-se seu dia em 31 de julho.

Fonte: Wikipédia


Tags: Jesuítas, Companhia de Jesus, Inácio de Loyola, Papa Paulo III, canonização, santo






Opinião do internauta

Deixe sua opinião

Hoje na história relacionadas

Comemoramos hoje - 19.10

  • Dia de São Paulo da Cruz
  • Dia do Anjo Habuhiah
  • Dia do Guarda Noturno
  • Dia do Profissional de Informática