Últimas notícias

Hoje na história

RSS
22 de Junho de 2012.

Senado paraguaio destitui o presidente Fernado Lugo. Em seu lugar assume o vice-presidente Frederico Franco

Fernando Lugo e Federico Franco

A crise política de 2012 no Paraguai se desenvolve ao redor do processo de impeachment contra o presidente Fernando Lugo. O processo foi iniciado no dia 20 de junho de 2012 a pedido de um deputado do Partido Colorado após confrontos entre policiais e camponeses deixarem dezessete mortos e oitenta feridos em uma operação para retirar camponeses de uma fazenda ocupada em Curuguaty.

No dia 22 de junho, o presidente foi destituído pela Câmara dos Senadores do Paraguai por 39 votos a 4 e na mesma noite, o vice-presidente Federico Franco foi empossado como novo presidente da República do Paraguai.

O processo de votação e cassação de Lugo, que durou pouco mais de 24 horas, foi considerado legítimo pelo Tribunal Superior Eleitoral do país, e ilegal e ilegítimo pela Comissão Interamericana de Direitos Humanos, tendo gerado uma crise diplomática internacional com os países sul-americanos da UNASUL e do Mercosul recusando-se a aceitar a forma como se deu a destituição do ex-presidente. Os críticos condenaram a rapidez do processo, a falta de concretude das acusações e o tempo de defesa de apenas duas horas, elementos que, segundo eles, desrespeitariam princípios democráticos universais.


Tags: Paraguai, Lugo, impeachment, Mercosul, Itaipu, energia, eletricidade






Opinião do internauta

Deixe sua opinião

Hoje na história relacionadas

Comemoramos hoje - 23.04

  • Dia de São Jorge / Ogum
  • Dia Mundial do Escoteiro
  • Dia Mundial do Livro e do Direito do Autor
  • Dia Nacional do Choro