Últimas notícias

Hoje na história

RSS
10 de outubro de 1875.

Morre Aleksey Konstantinovich Tolstoy, dramaturgo russo

Aleksey Konstantinovich Tolstoy

Aleksey Konstantinovich Tolstoy (5 de setembro de 1817 — 10 de outubro de 1875) foi um poeta, novelista e dramaturgo russo.

Tolstoy é considerado o mais importante dramaturgo do século XIX da história d a Rússia, principalmente pela força de sua trilogia dramática: A morte de Ivan, o Terrível, escrito em 1863 e publicado pela primeira vez em janeiro de 1866; Tsar Fyodor Ioannovich (1868); e Tsar Boris (1870).

Ele também ganhou fama por seus trabalhos satíricos, publicado em seu próprio nome (History of the Russian State from Gostomysl to Timashev, The Dream of Councillor Popov) e sob o pseudônimo Kozma Prutkov.

Suas obras de ficção incluem a novela The Vampire (1841), e o romance histórico Prince Serebrenni (1862).

Aleksey era um membro da família Tolstoy e um primo em segundo grau de Leo Tolstoy. Devido à proximidade de sua mãe com a corte do czar, Aleksey foi admitido desde cedo junto ao futuro Alexandre II da Rússia e tornou-se "um companheiro de jogos" do jovem príncipe herdeiro.

Quando jovem, Tolstoy viajou por diversos lugares, incluindo viagens a Itália e Alemanha, onde conheceu Johann Wolfgang von Goethe. Tolstoy começou sua educação em casa, sob a tutela de seu tio, o escritor Antony Pogorelsky, sob cuja influência ele começou a se interessar em escrever poesia, e uma série de outros professores.

Em 1834 Tolstoy foi trabalhar no Arquivo do Ministério das Relações Exteriores de Moscou como um estudante. Em dezembro de 1835 completou os exames (em Inglês, francês e alemão e literatura, latim, Mundial e história da Rússia, e as estatísticas russas) na Universidade de Moscou.

Ao longo da década de 1840 Tolstoy levou uma vida intensa na alta sociedade russa, cheia de viagens de lazer, festas, caça e romances fugazes. Ele também passou muitos anos a serviço do Estado como um burocrata e diplomata.

Últimos anos

Em 1856, durante a sua coroação, Alexandre II da Rússia, nomeou Tolstoy mestre de cerimônias do palácio, um de seus ajudante-de-ajudantes pessoais.

Tolstoy serviu como um major de infantaria na Guerra da Criméia. Ele finalmente deixou o serviço de Estado no início da década de 1860 para prosseguir a sua carreira literária.


Tolstoy em seus últimos anos. Retrato de Ilya Repin de 1896.

Em meados dos anos 1860 e, devido a problemas de saúde, Tolstoy começou a passar a maior parte do tempo no exterior: no verão em diferentes balneários, já no inverno, na Itália e no sul da França, e em algumas estações na Rússia em suas propriedades onde morreu, devido a uma dose letal, por ele administrada, de morfina, a 10 de outubro de 1875.


Casa de Tolstoy em Krasny Rog.

Fonte: Wikipédia


Tags: Aleksey Konstantinovich Tolstoy, Tolstoy, poeta, novelista, dramaturgo






Opinião do internauta

Deixe sua opinião

Hoje na história relacionadas

Comemoramos hoje - 14.10

  • Dia de São Calisto I
  • Dia do Anjo Anauel
  • Dia Nacional da Pecuária