Últimas notícias

Hoje na história

RSS
30 de agosto de 1984.

É lançada ao espaço a STS-41-D, primeira missão do ônibus espacial Discovery.

Insígnia da STS-41-D

STS-41-D foi a primeira missão do programa do ônibus espacial da NASA com a nave Discovery, lançada em 30 de agosto de 1984, para colocar em órbita três satélites de comunicações, retornou à Terra em 5 de setembro de 1984.

Principais fatos

A Discovery foi lançada em seu voo inaugural, o décimo segundo do programa espacial, em 30 de agosto de 1984. Ele foi o terceiro ônibus espacial construído e o mais leve de todos devido ao seu protetor térmico de baixo peso.

O missão havia sido planejada originalmente para 25 de junho, porém devido a uma série de problemas técnicos, e a substituição do motor principal, o lançamento não ocorreu até as 8:41 a.m. EDT de 30 de agosto, após um atraso de 6 minutos e 50 segundos quando um avião particular voou na zona aérea restrita perto da base de lançamento. Esta foi a quarta tentativa de lançamento do Discovery.

Devido ao atraso de 2 meses, a missão STS 41-F foi cancelada (A STS 41-E já havia sido cancelada) e suas cargas primárias foram incluídas no voo da STS 41-D. A carga combinada pesava mais de 47,000 lb (21,000 kg), um recorde para um ônibus espacial naquela época.

A tripulação era composta por Henry Hartsfield Jr. como comandante, em sua segunda missão em um ônibus espacial; o piloto Michael Coats; três especialistas de missão: Judith Resnik (que viria a morrer no acidente da Challenger, em 1986), Richard Mullane e Steven Hawley; e um especialista de carga, Charles Walker, um empregado da Corporação McDonnell Douglas. Walker foi a primeira carga suportada comercialmente a voar a bordo de um ônibus espacial.


Na frente E-D: Mullane, Hawley, Hartsfield, Coats. Atrás: E-D: Walker, Resnik.

A carga primária consistia de três satélites de comunicações, o SBS-D para a Satellite Business Systems, o Telstar 3-C para a Telesat do Canadá e o SYNCOM IV-2, ou Leasat-2, um satélite construído pela Hughes. O Leasat-2 foi o primeiro satélite de comunicações grande, projetado especificamente para ser lançado por um ônibus espacial. Todos os três satélites foram lançados com sucesso e se tornaram operacionais.

Outra carga era o painel solar OAST-l, um dispositivo com 13 pés (4 m) de comprimento, e 102 pés (31 m) de altura, que estava guardado em um pacote com 7 polegadas (180 mm) de profundidade. A asa carregava um grande número de diferentes células solares experimentais e foi estendida a sua altura total uma série de vezes. Esta foi a maior estrutura já estendida de uma nave espacial tripulada e demonstrou a possibilidade de se utilizarem grandes conjuntos se painéis solares de baixo peso para futuras aplicações em grandes construções no espaço como as Estações espaciais.

A experiência com o sistema de fluxo de eletroforese contínua, apoiado pela McDonnell Douglas, utilizando células vivas, estava mais elaborado do que os sistemas utilizados em missões anteriores e o especialista da carga Walker o operou por mais de 100 horas durante o voo. Um experimento de um estudante para estudar o crescimento dos cristais em microgravidade foi realizado, e a câmera de movimento IMAX foi operada em grande parte do voo.

A missão durou 6 dias e 56 minutos, com a aterrissagem na Runway 17 na Base Aérea de Edwards, às 6:37 a.m. PDT, de 5 de setembro de 1984. Ela percorreu 2.21 milhões de milhas (3.6 milhões de km) e completou 97 órbitas.

Fonte: Wikipédia


Tags: STS-41-D, Discovery, ônibus espacial, NASA, espaço, Columbia, Challenger






Opinião do internauta

Deixe sua opinião

Hoje na história relacionadas

Comemoramos hoje - 19.11

  • Dia da Bandeira
  • Dia da Caminhada da Bandeira
  • Dia de Santa Matilde de Hackeborn
  • Dia de Santo Abdias
  • Dia do Anjo Haaiah
  • Dia do Cordelista
  • Dia Internacional do Homem
  • Dia Internacional do Xadrez
  • Dia Mundial da Prevenção a Violência Doméstica Contra Crianças e Adolescentes