Últimas notícias

Hoje na história

RSS
01 de setembro de 1969.

A Rede Globo estreia o Jornal Nacional.

Logotipo do telejornal. Popularmente, o telejornal é conhecido pela sua sigla, JN.

Jornal Nacional (também conhecido pela sigla JN) é um telejornal brasileiro, produzido e exibido pela Rede Globo desde sua estreia, em 1º de setembro de 1969 sob o comando de Hilton Gomes e Cid Moreira.

Exibido em horário noturno, a partir das 20h30, de segunda-feira a sábado, é o telejornal mais assistido e reconhecido do país, tendo, ao longo de sua existência, acumulado diversos prêmios.

História

O telejornal entrou no ar no dia de 1º de setembro de 1969 com a apresentação de Hilton Gomes e Cid Moreira. O Jornal Nacional foi o primeiro programa gerado no Rio de Janeiro em rede nacional, através da Embratel.


Cid Moreira e Hilton Gomes, primeiros apresentadores do 'Jornal Nacional', em 1969.

“O Jornal Nacional da Rede Globo, um serviço de notícias integrando o Brasil novo, inaugura-se neste momento: imagem e som de todo o Brasil”. Foi assim que o apresentador Hilton Gomes abriu, às 19h45, a primeira edição do Jornal Nacional. A voz de Cid Moreira anunciou: “Dentro de instantes, para vocês, a grande escalada nacional de notícias”. 

Uma reviravolta na política era o principal assunto do dia. O país seria entregue a uma junta militar por causa de um problema de saúde do presidente Costa e Silva. O anúncio foi feito pelo ministro Delfim Neto e exibido, em filme, durante 46 segundos. 

Outros fatos se destacaram na estreia do JN. Milhares de brasileiros assistiram a imagens inéditas das obras de alargamento da Praia de Copacabana, da morte do campeão mundial dos pesos pesados Rocky Marciano e do gol de Pelé que garantiu a classificação do Brasil para a Copa de 1970, no México. 

A primeira equipe

O Jornal Nacional foi criado por Armando Nogueira, então diretor de Jornalismo da TV Globo.

A primeira equipe era formada por Humberto Vieira (editor-chefe e editor internacional), Alice-Maria Tavares Reiniger e Silvio Júlio Nassar (editores nacionais), Amaury Monteiro e Aníbal Ribeiro (chefes de reportagem), Alfredo Marsillac (diretor de imagens), Chucho Narvaez, José Andrade, Sebastião Azambuja, Evilásio Carneiro e Orlando Moreira (repórteres cinematográficos), Ismar Porto, João Mello e Auderi Alencar (montadores), Jotair Assad (coordenador) e Antônio Ozéas (assistente), entre outros.

O Jornal Nacional contava também com apresentadores próprios nas principais sucursais. Lívio Carneiro ficava em São Paulo; em Belo Horizonte, Oliveira Duarte; em Brasília, foram Heitor Ribeiro e, depois, Júlio César; e em Recife, Cícero de Moraes.

O Jornal Nacional tornou-se, em alguns anos, o mais importante e famoso noticiário brasileiro, alcançando altos índices de audiência. Durante os anos 1970; por interesse próprio, o telejornal deu ênfase à cobertura internacional e aos esportes.

Fonte: Wikipédia


Tags: Globo, Rede Globo, jornalismo, Jornal Nacional






Opinião do internauta

Deixe sua opinião

Hoje na história relacionadas

Comemoramos hoje - 15.11

  • Dia de Nossa Senhora do Rocio
  • Dia do Anjo Ieiaiel
  • Dia do Esporte Amador
  • Dia do Joalheiro
  • Dia do Santo Alberto Magno
  • Dia Nacional da Umbanda
  • Proclamação da República