Últimas notícias

Hoje na história

RSS
14 de setembro de 1959.

A sonda soviética Luna 2 atinge a superfície da Lua, tornando-se a primeira nave espacial a alcançar sua superfície

A Sonda Luna 2 (Lunik 2)

A Luna 2, também conhecida como Luna E-1A Nº 2 ou Lunik 2, foi a segunda de uma série de duas missões usando a plataforma E-1A, para o Programa Luna (um projeto soviético), tinha como objetivo, obter um impacto na Lua.

Lançada ao espaço às 06:39:42 UTC de 12 de setembro de 1959. Ela foi a primeira nave espacial a alcançar a superfície da Lua, se tornando também o primeiro objeto feito pelo homem a atingir um outro corpo celeste.

O impacto lunar ocorreu as 21:02:24 UTC em 14 de setembro de 1959, a leste do Mare Imbrium, perto das crateras Aristillus, Archimedes e Autolycus.

A Luna 2 era similar no projeto ao Luna 1, uma nave espacial esférica com antenas projetando-se no corpo. A instrumentação era também similar, incluindo contadores de Geiger, um magnetômetro, detectores de Cherenkov e detectores de micrometeorito. Não havia nenhum sistema de propulsão próprio.

A Luna 1 tinha fornecido a primeira evidência do fenômeno do vento solar; Para melhorar a eficiência, os quatro sensores de fluxo de plasma da Luna 2 foram modificados em um arranjo em tetraedro.

Após ser lançada e ter alcançado a velocidade de escape em 13 de setembro de 1959, a Luna 2 se separou do terceiro estágio do veículo lançador, que viajou junto com ela para a lua. Em 13 de setembro de 1959 a espaçonave liberou uma nuvem alaranjada brilhante do gás sódio, que ajudou a realizar uma experiência do comportamento do gás no espaço. Às 21h02m de 14 de setembro de 1959, após 33,5 horas de voo, os sinais de rádio da Luna 2 cessaram, indicando que havia impactado na Lua.

O ponto do impacto, na região de Palus Putredinis, é estimado como tendo ocorrido nas seguintes coordenadas lunares: 29° 6′ 0″ N, 0° 0′ 0″ E. Cerca de 30 minutos após o impacto da espaçonave, o terceiro estágio do veículo lançador impactou também na Lua. A missão confirmou que a Lua não possui nenhum campo magnético mensurável e não encontrou nenhuma evidência de anéis de radiação.

O Programa Luna

Programa Luna (também conhecido como Lunik) foi a designação de uma série de missões espaciais não-tripuladas enviadas à Lua pela União Soviética entre 2 de janeiro de 1959 e 14 de agosto de 1976. Quinze naves foram bem-sucedidas, cada uma projetada como um orbitador ou aterrissador, e realizaram muitas conquistas na exploração do espaço.

Executaram também muitas experiências, estudando a composição química, a gravidade, a temperatura e a radiação da Lua. Vinte e quatro naves espaciais foram designadas de Luna, embora mais fossem lançadas. Aquelas que falhavam no lançamento, ou não alcançaram a órbita da Lua por qualquer motivo, não eram reconhecidos publicamente naquele tempo, e a elas não eram atribuídos números da série "Luna" de missões.

Outra realização importante do programa Luna foi a habilidade de coletar amostras do solo lunar e de retorná-las à terra, em 1970.

As missões Apollo, entretanto, retornaram muito mais solo da lua. O programa soviético retornou 326 gramas de amostras lunares quando o programa da NASA retornou aproximadamente 480 quilogramas, algumas selecionadas no local por um geólogo. Entretanto, a exploração robótica é a moda atual da pesquisa do sistema solar. As primeiras missões do programa Luna, foram as primeiras missões avançadas desse tipo.

As missões

  • Luna 1
    • Lançada em 2 de janeiro de 1959
    • Passou a 6.000 km da Lua e transformou-se na primeira nave espacial a cair na órbita em torno do Sol.
       
  • Luna 2
    • Lançada em 12 de setembro de 1959
    • Transformando-se no primeiro objeto sintético a alcançar a Lua a 29,10ºN-0,00º em 14 de setembro de 1959.
       
  • Luna 3
    • Lançada em 4 de outubro de 1959
    • Fez em 10 de outubro de 1959 as primeiras fotografias do lado oculto da Lua, que não pode ser visto da Terra.
       
  • Luna 4
    • Lançada em 2 de abril de 1963
    • Passou a 8.500 km da Lua e entrou em órbita solar.
       
  • Luna 5
    • Lançada em 9 de maio de 1965
    • Destruiu-se com impacto na superfície lunar a 31ºS-8ºE.
       
  • Luna 6
    • Lançada em 8 de junho de 1965
    • Passou a 161.000 km da Lua e entrou em órbita solar.
       
  • Luna 7
    • Lançada em 4 de outubro de 1965
    • Destruiu-se com impacto na superfície lunar a 9ºN-40ºW.
       
  • Luna 8
    • Lançada em 3 de dezembro de 1965
    • Destruiu-se com impacto na superfície lunar a 9,1ºN-63,3ºW.
       
  • Luna 9
    • Lançada em 31 de janeiro de 1966
    • Alunissou com sucesso em 3 de fevereiro de 1966 a 7,08ºN-64,4ºW e enviou fotografias.
       
  • Luna 10
    • Lançada em 31 de março de 1966
    • Transformou-se o primeiro satélite artificial da lua. Orbitou numa distancia de 350 km. Manteve contato durante 460 órbitas em 2 meses.
       
  • Luna 11
    • Lançada em 24 de agosto de 1966
    • Distancia mínima da Lua 159 km. Transmitiu até 1º de outubro de 1966.
       
  • Luna 12
    • Lançada em 22 de outubro de 1966
    • Transmitiu até 19 de janeiro de 1967.
       
  • Luna 13
    • Lançada em 21 de dezembro de 1966
    • Alunissou em 24 de dezembro de 1966 a 18,87ºN-62ºW. Estudou o solo e transmitiu até 27 de dezembro de 1966.
       
  • Luna 14
    • Lançada em 7 de abril de 1968
    • Satélite lunar. Orbitou a uma distancia mínima de 160 km.
       
  • Luna 15
    • Lançada em 13 de julho de 1969
    • Destruiu-se com impacto na superfície lunar 17ºN-60ºE em 21 de julho de 1969. Foi lançada na mesma que a Apollo 11.
       
  • Luna 16
    • Lançada em 12 de setembro de 1970
    • Alunissou a 0,68ºS-56,30ºE em 20 de setembro de 1970. Regressou a Terra em 24 de setembro de 1970 com 101g de basalto lunar.
       
  • Luna 17
    • Lançada em 10 de novembro de 1970
    • Alunissou em 17 de novembro de 1970 transportando o Lunokhod 1 a 38,28ºN-35ºW.
       
  • Luna 18
    • Lançada em 2 de setembro de 1971
    • Destruiu-se com impacto na superfície lunar a 3,57ºN-50,50ºE.
       
  • Luna 19
    • Lançada em 28 de setembro de 1971
    • Realizou 4.000 órbitas antes de perder o contato.
       
  • Luna 20
    • Lançada em 14 de fevereiro de 1972
    • Alunissou em 21 de fevereiro de 1972 a 3,57ºN-56,50ºE. Retornou a Terra
      em 25 de fevereiro de 1972 com 30g de amostras do solo lunar em 25 de fevereiro de 1972.
       
  • Luna 21
    • Lançada em 8 de janeiro de 1973
    • Alunissou em 15 de janeiro de 1973 a 25,85ºN-30,45ºE transportando o Lunokhod 2. Seu último contato foi em 3 de junho de 1973.
       
  • Luna 22
    • Lançada em 29 de maio de 1974 entrando em órbita lunar a 2 de junho de 1974
    • Transmitiu até 6 de novembro de 1975.
       
  • Luna 23
    • Lançada em 28 de outubro de 1974
    • Alunissou no Mare Crisium em 6 de novembro de 1974. Fracassou em recolher amostras. Transmitiu até 9 de novembro de 1975.
    • Imagens obtidas em 2012 pela sonda Lunar Reconnaissance Orbiter, revelaram que a Luna-23 tombou, ficando de lado e não conseguindo assim finalizar a sua missão.
       
  • Luna 24
    • Lançada em 9 de agosto de 1976, entrou em órbita lunar a 14 de agosto de 1976
    • Alunissou em 18 de agosto de 1976 a 12,25ºN-62,20ºE, 2.3 km de distância da Luna 23. Escavou até 2 metros e regressou a Terra em 22 de agosto de 1976 com 170g de amostras do solo lunar.


Fonte: Wikipédia


Tags: Espaço, lua, nave, guerra fria, corrida espacial, Luna, Lunik, Mechta, União Soviética, URSS, Apollo






Opinião do internauta

Deixe sua opinião

Hoje na história relacionadas

Comemoramos hoje - 19.10

  • Dia de São Paulo da Cruz
  • Dia do Anjo Habuhiah
  • Dia do Guarda Noturno
  • Dia do Profissional de Informática