Últimas notícias

Hoje na história

RSS
23 de outubro de 1973.

Le Duc Tho, um negociador de paz pelo Vietnã do Norte, recusa o prêmio Nobel da Paz, afirmando que ainda não existia paz em seu país


Le Duc Tho nasceu na província de Nam Ha, Vietnam em 14 de outubro de 1911. Quando jovem se envolveu com na política radical e em 1930 ajudou a estabelecer o partido comunista da Indochina. Fez campanha contra as regras francesas no Vietnam e foi duas vezes preso por suas atividades políticas (1930-36 e 1939-44).

Em 1945 Le Duc Tho retornou a Hanoi e juntou-se a Ho Chi Minh e Vo Nguyen Giap para estabelecer a Liga Revolucionária do Vietnam (Vietminh). Até 1954 era líder da Vietminh no Vietnam do Sul. Membro do Politburo do Partido dos Trabalhadores do Vietnam foi responsável por organizar a rebelião contra o governo do Vietnam do Sul.

Nas conversas sobre paz entre representantes do Vietnam do Sul, Vietnam do Norte, Estados Unidos e o NFL começaram em Paris, em janeiro de 1969. Le Duc Tho serviu como o conselheiro especial da delegação do Vietnam do Norte e eventualmente tranformou-se em líder do Vietnam do Norte nessas conversas.

Em outubro de 1972 os negociadores acharam uma fórmula para acabar com a guerra. O plano era que as dos E.U. se retirariam de Vietnam em troca de um cessar-fogo e o retorno de 566 prisioneiros americanos prendidos em Hanoi. Concordou-se também que os governos em Vietnam do Norte e Sul permaneceriam no poder até que se realizassem novas eleições para unir o pais inteiro.

O principal problema deste plano era que tropas norte-americano s sairiam do país, mas as tropas do Vietnam do Norte permaneceriam em suas posições no sul. Em um esforço aplicar uma pressão sobre Vietnam norte retirar suas tropas o presidente Richard Nixon requisitou uma série de novos ataques aéreas repentinos em Hanoi e em Haiphong. Era o ataque o mais intenso do bombardeio na história do mundo. Em onze dias, 100.000 bombas jogadas nas duas cidades. O poder destrutivo era equivalente a cinco vezes o da bomba atômica usada em Hiroshima. Esta campanha do bombardeio foi condenada em todo o mundo. As manchetes de jornais incluíam: Genocídio, Barbarismo da Idade da Pedra e Selvagem e sem sentido.

Em 1973 foi indicado, junto com Henry Kissinger, para o Prêmio Nobel da Paz, mas recusou o prêmio.

Tags: Vietnã, Vietnam, Nobel






Opinião do internauta

Deixe sua opinião

Hoje na história relacionadas

Comemoramos hoje - 28.03

  • Dia de São Guntrano
  • Dia do Diagramador e do Revisor