Últimas notícias

Hoje na história

RSS
03 de maio de 1922.

Nasce Pier Paolo Pasolini, escritor, poeta e cineasta italiano


Pier Paolo Pasolini (Bolonha, 5 de março de 1922 - Ostia, 2 de novembro de 1975) foi um escritor, poeta e cineasta italiano. Era filho de Carlo Alberto Pasolini, militar de carreira e Susanna, professora do primeiro grau na do Friuli, Casarsa della Delizia, ao norte da Itália.

Pier Paolo Pasolini era um artista solitário. Antes de ficar famoso como cineasta tinha sido poeta e novelista. Entre seus livros mais conhecidos estão Meninos da Vida, Uma Vida Violenta e Petróleo (livro).

De porte atlético e estatura média, Pasolini usava óculos com lentes muito grossas, realizou estudos para filmes sobre a Índia, a Palestina e a África (Apontamento para uma Oréstia Africana). Era homossexual assumido.

Seus filmes são muito conhecidos por criticarem a estrutura do governo italiano (na época fortemente ligado a igreja católica), que promovia a alienação e hábitos conservadores na sociedade.

Prova disso é a obra Teorema (Filme), em que um indivíduo entra na vida de uma família e a desestrutura por inteiro (cada membro da família representa uma instituição da sociedade).

Foi assassinado em 1975, seu corpo tinha o rosto desfigurado e foi encontrado em uma praia tranqüila em Ostia. Os motivos de seu assassinato continuam gerando polêmica até hoje, sendo associados a crime político ou um mero latrocínio. O cineasta foi assassinado por um garoto de programa, que segundo as autoridades italianas, tinha o intuito de lhe assaltar. Porém existe um estudo bem minucioso de âmbito acadêmico, que ostenta a questão do crime político.

Tags: Cineasta, cinema, filme






Opinião do internauta

Deixe sua opinião

Hoje na história relacionadas

Comemoramos hoje - 20.11

  • Dia da Consciência Negra
  • Dia de Santo Edmundo
  • Dia de Santo Otávio
  • Dia do Anjo Ierathel
  • Dia do Auditor
  • Dia do Aviador e da FAB
  • Dia do Biomédico
  • Dia do Técnico em Contabilidade - Porto Alegre
  • Dia Mundial da Criança (Onu)