Últimas notícias

Hoje na história

RSS
03 de novembro de 1973.

É lançada a sonda Mariner 10

Concepção artística da missão Mariner 10

O Programa Mariner foi o primeiro programa de exploração interplanetária norte-americano, desenvolvido pela NASA, com o objetivo de explorar os planetas interiores.

O programa foi desenhado em função de um conjunto de objetivos, nomeadamente a exploração faseada de Marte, Vênus e Mercúrio.

Para isso, foram desenvolvidas cinco missões distintas utilizando dez sondas - utilizando um sistema de redundância - e em que três não conseguiram completar a missão.


Lançamento da Mariner 1 em 22 de julho de 1962.

As missões da série Mariner foram as seguintes:

  • Mariner 1 - fracassou em seu lançamento com destino a Vênus a 22 de julho de 1962. Devido a um desvio de rota, um oficial de segurança de perímetro, ordenou a autodestruição do veículo de lançamento, o que ocorreu às 09:26:16 (UTC), 293 segundos após o lançamento.
  • Mariner 2 - foi a primeira missão que teve sucesso, sendo lançada com destino a Vênus em 27 de agosto de 1962. A nave passou a 35 mil km de Vênus em 14 de dezembro de 1962, enviando informações da atmosfera do planeta.
  • Mariner 3 - também fracassou em seu lançamento a 5 de novembro de 1964.
  • Mariner 4 - enviada em 28 de novembro de 1964, passou a 9.920 km de Marte. Fotografou 22 vezes a superfície marciana.
  • Mariner 5 - foi lançada a 14 de junho de 1967 com destino a Marte. - A sonda sobrevoou Marte em 19 de outubro de 1967, coletando e transmitindo informações.
  • Mariner 6 - foi lançada com destino a Marte em 25 de fevereiro de 1969. A missão passou por Marte em 31 de julho de 1969, tirando fotos e analisando a composição e pressão atmosférica.
  • Mariner 7 - foi lançada com destino a Marte em 27 de março de 1969. Sobrevoou o polo sul de Marte. Tirou 126 fotos dessa região.
  • Mariner 8 - também fracassou em seu lançamento a 18 de maio de 1971 com destino a Marte. O objetivo, era entrar em órbita de Marte e retornar imagens e dados. Devido a uma falha no veículo lançador, essa missão não conseguiu sequer atingir a órbita da Terra, e a espaçonave acabou caindo no Oceano Atlantico pouco depois do lançamento.
  • Mariner 9 - foi lançada com destino a Marte em 30 de maio de 1971. A sonda foi o primeiro satélite artificial a entrar em órbita do planeta Marte, em 14 de novembro de 1971, após 167 dias de viagem.
  • Mariner 10 - foi lançada rumo a Mercúrio em 3 de novembro de 1973. Foi a primeira nave enviada a Mercúrio, o planeta mais próximo do Sol. Além de cumprir seu objetivo principal, enviou dados sobre Vênus e também sobre o cometa Kohoutek.


Uma das curiosidades das missões foi a descoberta de um majestoso vulcão com 27 km de altura, denominado "Monte Olimpo", pela sonda Mariner 9, onde o astrônomo italiano Giovanni Schiaparelli (1835-1910) observou por telescópio a região de maior brilho na superfície de Marte. Dados coletados pela sonda foram divulgados por cientistas da NASA, em 1985, revelando a grandes probabilidade de existir água na forma líquida a grandes profundidades no subsolo de Marte, em depósitos maiores que os encontrados nos polos, onde a mesma Mariner 9 encontrou água congelada sob uma camada de gelo de CO2 (Neve Carbônica).

A Mariner 10

A Mariner 10 foi uma sonda planetária, integrada no Programa Mariner, desenvolvido pelos Estados Unidos durante as décadas de 1960 e 1970. Foi a primeira sonda a utilizar a técnica de aceleração gravítica de um corpo celeste para auxílio à navegação (neste caso, utilizou a massa de Vênus para conseguir atingir Mercúrio). Foi também a primeira sonda a visitar dois planetas distintos (Vênus e Mercúrio).

Até à chegada da sonda MESSENGER a Mercúrio em 18 de março de 2011, a Mariner 10 era a única sonda a ter visitado o planeta Mercúrio.

Foi a última missão do Programa Mariner sendo que as duas missões seguintes tiveram a sua designação alterada para Voyager.

A Missão

A Mariner 10 tinha como missão primária, o estudo dos planetas Mercúrio e Vênus, em relação às suas características físicas, atmosféricas e ambientais. Estava também previsto, o estudo do meio interplanetário e a avaliação de técnicas para o deslocamento nesse meio. Esta sonda, foi lançada em sua missão através de um foguete Atlas-Centauro a 3 de novembro de 1973.

Após o lançamento, a sonda foi colocada numa órbita em torno do Sol e numa trajetória em direção a Vénus. Foram, entretanto, detectadas algumas falhas em sistemas a bordo da sonda, nomeadamente com os sistemas de análise de eletrostática e com o sistema de aquecimento das câmeras de observação. Durante a trajetória, um conjunto de outros problemas apresentaram-se aos controladores da missão, com especial relevância para o funcionamento irregular da antena de alto ganho, a câmera de navegação e o computador de comando da sonda.

Em 5 de fevereiro de 1974, a Mariner 10 cruza a órbita do planeta Vénus a uma altitude de 5.768 km transmitindo para a Terra as primeiras imagens detalhadas da espessa atmosfera venusiana. A alteração da trajetória provocada por Vênus (provocada pela redução da velocidade da sonda) coloca a Mariner 10 na direção de Mercúrio.

A sonda cruza a órbita de Mercúrio em 29 de março de 1974 a uma altitude de 704 km. Nesta primeira passagem, obtiveram-se as primeiras (poucas) imagens de Mercúrio e alterou-se a trajetória por forma a permitir mais 2 passagens adicionais - a 21 de Setembro de 1974 a uma altitude de 48.000 km e a 16 de março de 1975 a uma altitude de 327 km. Na segunda e terceira passagens, obtiveram-se um conjunto de imagens detalhadas da superfície mas que devido à geometria da órbita apenas permitiram a observação de menos de metade da superfície total.

A missão manteve-se operacional até 24 de março de 1975 quando o controle sobre os sistemas foi perdido. Atualmente a Mariner 10 permanece numa órbita em torno do Sol.


Lançamento da Mariner 10 do Cabo Canaveral a 3 de novembro de 1973.

A Sonda

A sonda Mariner 10, era constituída por um chassis octogonal com uma diagonal de 1,39 m. Ligados à estrutura, dois painéis solares com uma área de 2,5 m² forneciam toda a energia necessária à manutenção dos sistemas e dos instrumentos. Também conectado à estrutura octogonal, um braço de 5,8 m suportava um magnetometro. No topo da estrutura estava situada a antena de alto ganho com 1,53 m de diâmetro com um motor de direcionamento. A transmissão era realizada através das bandas S e X com um débito máximo de 117,6 kilobits por segundo. A propulsão era realizada através de um propulsor com 222 N de potência acoplado a um tanque esférico do combustível localizado no centro da estrutura. O peso total da sonda no lançamento era de 503 kg.

Fonte: Wikipédia


Tags: Espaço, sonda, Nasa, Mariner, Mariner 10, Programa Mariner






Opinião do internauta

Deixe sua opinião

Hoje na história relacionadas

Comemoramos hoje - 17.08

  • Dia da Festa de Obaluaiê
  • Dia de São Jacinto
  • Dia do Anjo Mahasiah
  • Dia do Patrimônio Histórico