Últimas notícias

Hoje na história

RSS
30 de outubro de 1961.

A União Soviética detona a maior bomba nuclear da história (a Tsar Bomba, com 57 megatons) na ilha russa de Nova Zembla.

Nuvem de cogumelo formada pela explosão da Tsar Bomba em 1961.

Tsar Bomba (em russo: Царь-бомба) é o nome dado à bomba RDS-220, a mais potente arma nuclear já detonada. Desenvolvida pela União Soviética, a bomba de 58 megatons (equivalente a 58 milhões de toneladas de trinitrotolueno, sendo duas vezes mais potente que o segundo maior teste nuclear chamado de Teste 219 que rendeu 24,2 Mt) levava o nome-código de "Ivan", (em russo: Иван), dado pelos seus desenvolvedores. A bomba foi testada em 30 de outubro de 1961, em Nova Zembla, uma ilha no oceano Ártico. Teve uma redução de 50 megatons do seu desenho original para minimizar a escala de destruição. Devido ao seu enorme tamanho a bomba não era prática para propósitos de guerra, e foi criada primariamente para ser usada como propaganda na Guerra Fria. Não há evidências de que outra bomba de poder similar tenha sido feita.


Réplica da Bomba Tsar no Museu de Bombas Atômicas de Sarov

Fonte: Wikipédia


Tags: URSS, arma nuclear, Boba Atômica. Corrida armamentista, Guerra Fria, bomba nuclear, Tsar Bomba






Opinião do internauta

Deixe sua opinião

Hoje na história relacionadas

Comemoramos hoje - 17.06

  • Dia de São Bessário
  • Dia do Anjo Lauviah
  • Dia do Funcionário Público Aposentado
  • Dia Mundial de Combate à Desertificação e à Seca (ONU)