Últimas notícias

Hoje na história

RSS
06 de novembro de 1632.

Morre Gustavo Adolfo, rei da Suécia, na “Batalha de Lucena”


Gustavo Adolfo, (9 de Dezembro de 1594 - 6 de Novembro de 1632), rei da Suécia, foi um dos grandes campeões da causa protestante. Foi apelidado de Leão do Norte pelos seus progressos na arte da guerra, nomeadamente pela introdução de peças de artilharia ligeira, que podiam ser mais facilmente deslocadas no campo de batalha. Assim que subiu ao trono, em 1611, com apenas dezesseis anos, viu-se envolvido em guerras: inicialmente com a Polônia, Dinamarca e Rússia. Resolveu rapidamente o assunto com a Dinamarca e Rússia, mas a guerra com a Polônia arrastou-se até 1629, quando a venceu. Nessa época Gustavo era considerado um dos melhores guerreiros do seu tempo.

Gustavo Adolfo desenvolveu um novo método de fazer a guerra: criou um manual da arma que reduzia os passos para a recarregar de cento e cinqüenta para noventa e introduziu a “Guerra Linear”, em que os seus homens alinhados carregavam e disparavam as suas armas alternadamente em linhas distintas, permitindo uma muito maior cadência de tiro, fortalecendo e dando grande vantagem à sua frente de batalha.

No entanto, Gustavo derrotou e matou um dos mais brilhantes generais do lado católico-romano, o conde de Tilly. Em 1632, na Batalha de Lucena (Lutzen), Gustavo defrontou o ainda mais temível Albrecht von Wallenstein, a quem derrotou, mas acabou morrendo quando conduzia uma carga de cavalaria.

Tags: Suécia, rei, batalha






Opinião do internauta

Deixe sua opinião

Hoje na história relacionadas

Comemoramos hoje - 13.10

  • Dia de Santo Eduardo
  • Dia do Anjo Iah-hel
  • Dia do Fisioterapeuta
  • Dia do Terapeuta Ocupacional