Últimas notícias

Hoje na história

RSS
04 de Julho de 1996.

Surge o Hotmail, maior serviço de e-mail grátis da Internet

Logotipo original do Hotmail em 1996

Hotmail (oficialmente Windows Live Hotmail, posteriormente, Windows Live Mail (Programa de e mail que substituiu o Outlook Express, ou seja, não tem a ver com o nome do serviço de e-mail propriamente) e MSN Hotmail (Era como foi chamado este serviço de e-mail antes da mudança para Windows Live) foi um serviço de correio eletrônico gratuito da Microsoft, baseado em acesso pela web. O Hotmail foi o primeiro serviço de webmail da internet, mas foi substituído pelo Outlook.com, porque a Microsoft decidiu mudar totalmente seu serviço de e-mail. Em 2008, o serviço contava com cerca de 200 milhões de usuários em todo o mundo, e era é um dos serviços de e-mail mais famosos e utilizados com cerca de 360 milhões de usuários em todo o mundo sendo 47 milhões no Brasil.

Fundação

O criador do Hotmail, o indiano Sabeer Bhatia foi para os Estados Unidos em 23 de setembro de 1988. O Instituto de Tecnologia da Califórnia tinha-lhe oferecido uma bolsa de estudos. Bhatia tinha 19 anos.

Bhatia queria concluir os estudos e voltar para trabalhar em seu país. Quatro anos depois, fez pós-graduação, em Stanford, e, depois de formado, não quis voltar para casa.

Bhatia acabou convencendo seu amigo, Jack Smith, quando se encontravam no trabalho, na Apple (trabalhavam como engenheiros de hardware), a montar um negócio, motivado pelo que ouvira em algumas palestras a que assistiu em Stanford, de transformar uma boa ideia em uma empresa, para depois vendê-la por milhões de dólares. Fizeram um acordo: Bhatia seria o administrador da empresa; Smith, o arquiteto da tecnologia do empreendimento a ser criado.

Bhatia e Smith empenharam sua criatividade na produção de ideias. Um dia, em dezembro de 1995, tiveram a ideia de lançar um serviço Webmail que fosse visto de qualquer lugar no mundo. Queriam montar um sistema de e-mail de livre acesso baseado na Web. A ideia era oferecer uma conta de e-mail grátis a quem quisesse e tornar essas contas acessíveis pela Web.

Depois de decidirem montar a empresa, faltava-lhes o nome. Bathia queria um nome que envolvesse a palavra 'MAIL', ou seja, correio. Pensou muito e, então surgiu o nome HOTMAIL com base nas letras da sigla HTML. Mas, ainda lhes faltava algo, 300 mil dólares.

Investimento

Bathia bateu, em vão, na porta de várias empresas de capital de risco que financiavam empresários em troca de participação acionária. Era uma ideia nova e ninguém queria arriscar. Mas bastava alguém disposto a comprar a ideia para tudo começar a andar.

Neste caso, quem se interessou foi Steve Jurvetson, da Draper Fisher Jurvetson. Ele receberia 15% de participação acionária.

Acordo feito, Jack e Bathia deixaram o emprego na Apple e abriram um pequeno escritório em Fremont, Califórnia. Bhatia convenceu 14 empregados a trabalhar em troca das ações da empresa a um valor prefixado. Em junho, o dinheiro estava acabando, mas o produto estaria pronto em um mês. Doug Carliske um investidor, se mostrou interessado, mas Bhatia e Smith sabiam que se lançassem primeiro o Hotmail, as ações teriam mais valor, portanto teriam mais comando de sua empresa. Assim, conseguiram um empréstimo bancário de 100 mil dólares.

No dia 4 de julho de 1996, lançava-se a primeira empresa de webmail grátis do mundo, o Hotmail. Para o usuário ter seu e-mail não era preciso ter computador em casa. Bastava se conectar através de qualquer computador, em qualquer lugar do mundo. O Hotmail foi a primeira empresa a oferecer e-mail baseado na Web (Webmail). Na manhã do lançamento, Bhatia e Smith carregavam seus pagers programados para exibir a cada hora o número de novos assinantes.

Sucesso

O Hotmail começou a enviar notícias e outros conteúdos da Internet para os assinantes. Isso não era novidade, mas a forma como o dinheiro jorrava, sim. Os sites que forneciam o conteúdo queriam receber pelas notícias, porém Bhatia achou que os sites deviam pagar ao Hotmail pela oportunidade de ter seus conteúdos circulando. Eles concordaram, e logo o Hotmail estava crescendo tão rápido que alguns provedores de conteúdo mal conseguiram lidar com o tráfego gerado pelo serviço.

Na época em que tentaram vender a ideia do Hotmail aos capitalistas de risco, o que Bhatia sempre ouvia era: "O que vai impedir a Microsoft de copiar esse conceito e acabar com vocês?". Mas a Microsoft só se deu conta do que realmente estava acontecendo quando Bhatia contou a um repórter, "temos 6 milhões de usuários".

Aquisição pela Microsoft

Quando a Microsoft quis comprar o Hotmail no outono de 1997, ofereceram a Bhatia uma soma que lhe permitiria embolsar dezenas de milhões de dólares. Uma semana depois estavam de volta, e todas as semanas desde então, por dois meses seguidos.

Sem sucesso pediram então que Bhatia fosse a Redmond para conversar com Bill Gates, fundador da Microsoft.

Bhatia voltou a Microsoft com uma proposta de meio bilhão de dólares. "Você está louco!", gritaram os negociadores. A tensão crescia enquanto a Microsoft ia colocando mais dinheiro na mesa: 200 milhões. Duzentos e cinquenta. Trezentos. Bhatia, que recebera sinal verde do conselho de administração e da diretoria para negociar pessoalmente o acordo, manteve-se firme. Quando os negociadores ofereceram cerca de 350 milhões de dólares, a maioria dos executivos se mostrou favorável a aceitar.

Bathia disse que não, queria mais, então em 31 de dezembro de 1997, um acordo foi anunciado. O Hotmail havia sido negociado por 2.769.148 ações da Microsoft, na época valendo a quantia de 400 milhões de dólares.

Apenas oito meses após o anúncio do acordo, 400 milhões de dólares pagos pela Microsoft pareciam em pechincha, especialmente se levando em conta que a base de usuários do Hotmail havia mais do que dobrado desde a venda da empresa. Com 22 milhões de contas de webmail ativas, a empresa estava atraindo 125 mil novos usuários por dia.

Bhatia havia desenvolvido a base de usuários do Hotmail mais rápido do que a CNN e possui 67 milhões de usuários. Agora possui ainda muito mais.

Em 31 de julho de 2012 o Hotmail é substituído pelo Outlook.com.

Fonte: Wikipédia


Tags: e-mail, internet, correio eletrônico, Microsoft, Hotmail, Sabeer Bhatia, Jack Smith






Opinião do internauta

Deixe sua opinião

Hoje na história relacionadas

Comemoramos hoje - 18.06

  • Dia da Imigração Japonesa
  • Dia de São Leôncio
  • Dia do Anjo Caliel
  • Dia do Químico