Últimas notícias

Hoje na história

RSS
16 de janeiro de 1962.

Primeiras filmagens de James Bond

A abertura virou marca registrada dos filmes do agente secreto

No dia 16 de janeiro de 1962, começaram na Jamaica as filmagens de um filme de ação que acabou se tornando uma franquia de sucesso em todo o mundo.

O primeiro livro sobre James Bond, Casino Royale, foi escrito por Ian Fleming em 1953. Mais tarde, também acabou sendo filmado, mas muitos não o consideram parte da série. O tema voltou aos cinemas em 2006, como 007 – Casino Royale, o 21º filme da franquia do espião inglês, com um novo intérprete, Daniel Craig, e nova direção: Martin Campbell. O primeiro 007 foi produzido por Albert Broccoli e Harry Saltzman, pela MGM.

Ninguém pode negar que o superespião a serviço de Sua Majestade só adquiriu vida através de Sean Connery. Em 007 contra o Satânico Dr. No, a clássica abertura de uma mira sobre James Bond, criada por Maurice Binder, tornou-se marca registrada para os demais filmes. Também a música-tema aí se eternizou.


Ian Fleming escreveu o primeiro livro sobre James Bond em 1953.

Nasceram ainda neste primeiro filme, em janeiro de 1962, o chefe de Bond, M (interpretado por Bernard Lee), a secretária apaixonada pelo agente, Miss Monneypenny (Lois Maxwell), e Q, o inventor de armas mirabolantes de 007. Com o passar do tempo, para garantir o sucesso, a obra recebeu ainda muita ação, mulheres sensuais, modalidades esportivas arriscadas, carros e aparatos tecnológicos avançados para ajudar na derrota do vilão que queria dominar o mundo.

O diretor de O Satânico Doutor No foi Terence Young, que escreveu o roteiro junto com Richard Maibaum, Johanna Harwood e Berkey Mather. A música foi composta por John Barry e Noty Norman.

Receita que deu certo


Agente secreto já foi interpretado por seis atores.

No episódio de 1962, ao lado do agente norte-americano Felix Leiter (Jack Lord) e da sensual Honey Ryder (Ursula Andress, a primeira Bond girl), 007 foi enviado à Jamaica para descobrir a fonte de uma misteriosa onda de energia que estava interferindo nos lançamentos de mísseis pelos Estados Unidos.

Somente James Bond, com suas habilidades, charme e coragem, podia deter o fanático cientista Dr. No (Joseph Wiseman), enfrentando perigosos assassinos e uma tarântula venenosa.

Sean Connery encerrou sua carreira como 007 em Os Diamantes são Eternos, de 1971. O papel foi interpretado desde então por outros cinco atores (George Lazenby – em A Serviço Secreto de Sua Majestade de 1969 –, Roger Moore, Thimothy Dalton, Pierce Brosnan e, atualmente, Daniel Craig).

Fonte: Deutsche Welle


Tags: Filmagens, filme, 007, James Bond, espião






Opinião do internauta

Deixe sua opinião

Hoje na história relacionadas

Comemoramos hoje - 22.07

  • Dia de Santa Maria Madalena
  • Dia do Anjo Imamaiah
  • Dia do Cantor Lírico