RicardoOrlandini.net - Informa e faz pensar - Hoje na história - Morre Rainer Maria Rilke um dos mais importantes poetas de língua alemã do século XX

Últimas notícias

Hoje na história

RSS
29 de Dezembro de 1926.

Morre Rainer Maria Rilke um dos mais importantes poetas de língua alemã do século XX


Rainer Maria Rilke (Praga, 4 de dezembro de 1875 - Valmont, Suíça, 29 de dezembro de 1926) foi um dos mais importantes poetas de língua alemã do século XX.

Rilke fez seus estudos nas universidades de Praga, Munique e Berlim. Em 1894 fez sua primeira publicação, uma coleção de versos de amor, intitulados Vida e canções (Leben und Lieder), 1894.

Alguns anos depois, em 1899, Rilke viajou para a Rússia a convite de Lou Andreas-Salomé, a escritora e depois psicanalista, filha de um general russo, por quem Friedrich Nietzsche fora apaixonado, também conhecida por seu envolvimento amoroso com Sigmund Freud e que foi sua amante por longos anos. Sua passagem pela Rússia imprimiu uma inspiração religiosa em seus poemas. Rilke passou a enxergar a natureza, dada as dimensões e exuberância das paisagens russas, como manifestação divina presente em todas as coisas. Sobre este aspecto publicou em 1900 a coleção Histórias do bom Deus.

O século XX trouxe para a poesia de Rilke um afastamento do lirismo e dos simbolistas franceses com os quais ele se identificava. Em 1905, publicou O Livro das Horas de grande repercursão à época. Nesta obra, seus poemas já apresentavam um estilo concreto, bem característico desta sua fase.

Em Paris, Rilke trabalhou como secretário do escultor Auguste Rodin entre 1905 a 1906. Rodin exerceu uma influência sobre o poema de Rilke, que se reflete em suas publicações de 1907 a 1908.

Quando estourou a Primeira Guerra Mundial, em 1914, Rilke morava em Munique e lá permaneceu durante todo o conflito. Antes de se mudar para Munique, ele viveu na região do Trieste e publicou em 1913 a A vida de Maria (Das Merien Leben) e iniciou a redação de Elegias de Duíno (Duineser Elegien), texto que só viria a ser publicado em 1923. Duíno era um castelo na região de Trieste, Itália, onde Rilke morou por dois anos antes da Guerra. Após o conflito na Europa, Rilke mudou-se para a Suíça e lá redigiu livros importantes.

A obra de Rilke influenciou muitos autores e intelectuais em diversas partes do mundo. No Brasil foram seus leitores Sérgio Buarque de Hollanda entre outros. Sua poesia provocava a reflexão existencialista e instigava os leitores a se defrontarem com questões próprias do desencantamento da primeira metade do século XX.

Tags: Poeta, literatura, Elegias de Duíno






Opinião do internauta

Deixe sua opinião

Hoje na história relacionadas

Comemoramos hoje - 15.08

  • Dia da Adesão: Em 1823 o Estado do Pará faz sua adesão à independência do Brasil.
  • Dia da Informática
  • Dia de Assunção de Nossa Senhora
  • Dia de São Tarcísio
  • Dia do Anjo Sitael
  • Dia dos Solteiros