Últimas notícias

Hoje na história

RSS
23 de março de 1956.

O Paquistão torna-se a primeira república islâmica do mundo


O Paquistão (oficialmente República Islâmica do Paquistão), é um país do sul da Ásia. Localizado na região onde convergem o sul da Ásia, a Ásia Central e o Oriente Médio, o país limita com o Irã e o Afeganistão a oeste, a China a nordeste e a Índia a leste, ademais de ser banhado pelo Mar Arábico ao sul, com um litoral de 1.046 km de extensão.

O Paquistão é o sexto país do mundo em população e possui uma das maiores populações muçulmanas do planeta. Seu território pertenceu à Índia Britânica e tem uma longa história de assentamento e civilização, inclusive a civilização do Vale do Indo. A região já foi invadida por gregos, persas, árabes, afegãos, turcos e mongóis. Foi incorporado à Índia Britânica no século XIX. Desde a sua independência, o país tem se caracterizado por períodos de crescimento militar e econômico intercalados com instabilidade política.

O país foi oficialmente fundado como o Domínio do Paquistão em 1947, sob a chefia de Muhammad Ali Jinnah e a Liga Muçulmana, e foi renomeado República Islâmica do Paquistão em 23 de março de 1956. O Paquistão foi membro fundador da Organização da Conferência Islâmica, da Associação Sul-Asiática para a Cooperação Regional, do D8 e da Organização para Cooperação Econômica.

Também é membro das Nações Unidas, da Organização Mundial do Comércio, do G33 e do Grupo dos 77. O Paquistão é uma potência nuclear, com um arsenal de armas atômicas. Sua capital é Islamabad e sua maior cidade, Karachi.

Tags: Paquistão, Índia, muçulmano






Opinião do internauta

Deixe sua opinião

Hoje na história relacionadas

Comemoramos hoje - 28.09

  • Dia da Lei do Ventre Livre
  • Dia de São Venceslau
  • Dia do Anjo Asaliah
  • Dia do Vaqueiro