Últimas notícias

Hoje na história

RSS
09 de setembro de 1923.

Morre Hermes da Fonseca, presidente do Brasil no período de 1910-1914


Militar, nascido na cidade de São Gabriel, estado do Rio Grande do Sul, em 12 de maio de 1855. Hermes da Fonseca era republicano, membro da maçonaria e sobrinho do primeiro presidente do país, Deodoro da Fonseca. Ministro da Guerra do governo de Afonso Pena (1906-1909) instituiu a Lei do Serviço Militar Obrigatório. Em 1910, foi um dos fundadores do Partido Republicano Conservador. Por meio de eleição direta, passou a exercer a presidência da República em 15 de novembro de 1910. Com o assassinato de Pinheiro Machado, dirigente do Partido Republicano Conservador, deixou o Brasil em 1915 para residir na Europa, após pedir licença do Exército. Retornou ao país em 1920 e, em 1923, foi transferido para a reserva no posto de marechal. Faleceu na cidade de Petrópolis, estado do Rio de Janeiro, em 9 de setembro de 1923.

Tags: Presidente, político






Opinião do internauta

Deixe sua opinião

Hoje na história relacionadas

Comemoramos hoje - 18.05

  • Dia ao Deus Pan (Mitologia grega)
  • Dia da Boa Vontade
  • Dia da Luta Anti-manicomial
  • Dia das Raças Indígenas da América
  • Dia de São Félix de Cantalício
  • Dia dos Vidreiros
  • Dia Internacional dos Museus
  • Dia Nacional de Combate ao Abuso e a Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes (UNICEF)
  • Dia Nacional do Petroquímico