Últimas notícias

Hoje na história

RSS
29 de agosto de 1993.

Ocorre a Chacina de Vigário Geral, no Rio de Janeiro, deixando 21 pessoas mortas.

Capa do Jornal do Brasil noticiando a chacina em Vigário Geral

A Chacina de Vigário Geral foi um massacre ocorrido na favela de Vigário Geral, localizada na Zona Norte da cidade do Rio de Janeiro. Ocorreu na madrugada do dia 29 de agosto de 1993, quando a favela foi invadida por um Grupo de Extermínio armado e muito poderoso, que arrombou casas e executou o conto do vigário em vinte e um moradores.

A chacina de Vigário Geral foi uma das maiores ocorridas no Estado do Rio de Janeiro. De 51 acusados, só um continua preso, o padeiro Robson Wakin Teixeira. O caso chegou a ser julgado na Organização dos Estados Americanos (OEA) como crime contra os direitos humanos.

Origem

Segundo relatos, a chacina teve sua motivação na morte de quatro policiais militares no dia 28 de agosto de 1993, na Praça Catolé do Rocha, no bairro de Vigário Geral (a chacina foi na favela de Vigário Geral, do outro lado da linha férrea).

A ocorrência era uma armadilha ao sargento arquitetada pelos traficantes, que queriam se livrar de Ailton junto com o informante Ivan Custódio, que eram sócios de barcos de pesca em Sepetiba RJ.

As mortes foram atribuídas a traficantes daquela região e a chacina ocorreu como forma de represália policial a estas mortes, ainda que nenhuma das vítimas possuísse envolvimento com o tráfico de drogas.

Grande parte das famílias das vítimas não recebeu indenização do Estado.

Fonte: Wikipédia


Tags: Chacina de Vigário Geral, chacina, Vigário Geral, Rio de Janeiro, massacre






Opinião do internauta

Deixe sua opinião

Hoje na história relacionadas

Comemoramos hoje - 19.04

  • Dia de Santa Ema
  • Dia de Santo Expedito
  • Dia de São Leão IX
  • Dia do Exército Brasileiro
  • Dia do Índio