Últimas notícias

Hoje na história

RSS
02 de abril de 1453.

O sultão otomano Mehmed II acampa suas tropas em frente aos Muros de Constantinopla, o que resultaria no final do Império Bizantino


Mehmed II, ou Maomé II, também conhecido como Muhammed II (30 de Março de 1432 - 3 de Maio de 1481), alcunhado el-Fatih, ou “o Conquistador” foi sultão do Império Otomano durante o curto período de tempo decorrido de 1444 a 1446 e, depois, de 1451 a 1481. Foi o primeiro soberano Otomano a reclamar o título de Califa, o soberano supremo de todos os muçulmanos, e César de Roma, o soberano supremo de todos os Cristãos, além dos habituais títulos de rei, sultão (o soberano de um estado muçulmano), Han ou Khan (soberano turco), etc.

Dois anos depois de subir ao trono em 1451, Mehmed II terminou com o Império Bizantino, ao capturar Constantinopla em 1453 (durante o conhecido Cerco de Constantinopla), e outras cidades Bizantinas da Anatólia e dos Bálcãs. A invasão de Constantinopla e campanhas bem sucedidas contra pequenas monarquias nos Bálcãs, Crimeia, e territórios turcos na Anatólia conferiram-lhe respeito por parte das outras potências, passando o estado de Otomano a ser reconhecido como um império pela primeira vez.

Constantinopla (em latim: Constantinopolis) é o antigo nome da cidade de Istambul, na Turquia. O nome original era Bizâncio.

O nome da cidade é uma referência ao imperador romano Constantino I, que tornou esta cidade a capital do Império Romano em 11 de Maio do ano 330. Constantino chamou-a Nova Roma, mas o nome não vingou.

Constantinopla foi a capital do Império Romano (330-395), do Império Romano do Oriente (395-1204 e 1261-1453) também conhecido como o Império Bizantino, do o Império Latino (1204-1261), bem como o Império do Otomano (1453-1922).

Constantinopla e o império bizantino caíram finalmente para o Império Otomano a 29 de Maio de 1453.

A queda de Constantinopla, para os turcos otomanos, foi um evento histórico que segundo alguns historiadores marcou o fim da Idade Média na Europa, e também decretou o fim do último vestígio do Império Bizantino.

Tags: Cerco, Constantinopla, Istambul






Opinião do internauta

Deixe sua opinião

Hoje na história relacionadas

Comemoramos hoje - 18.01

  • Dia da Manicure
  • Dia da Universidade
  • Dia de São Volusiano de Tours
  • Dia de Santa Margarida da Hungria
  • Dia de Santa Marta
  • Dia do Esteticista
  • Dia Internacional do Riso
  • Dia Nacional do Krav Maga (técnica de autodefesa pessoal israelense)
  • Festa da Confissão de Pedro (nas igrejas anglicanas e luteranas)